Pipoca de Sexta #47 - Os Caras de Pau em O Misterioso Roubo do Anel

16 de janeiro de 2015

Heey pessoal, beleza? Depois de algum tempo sumido (ou muito tempo) o Pipoca de Sexta está de volta. Hoje vou falar sobre um lançamento recente, que me decepcionou até o último momento. Vamos lá!

A avaliação geral da crítica especializada é de 2,5 estrelas para o filme.


Título: Os Caras de Pau em O Misterioso Roubo do Anel
Gênero: Comédia
Elenco: Leandro Hassum, Marcius Melhem, Christine Fernandes...
Distribuidora: IMAGEM FILMES
Ano de Lançamento: 2015
Nacionalidade: Brasil
Direção: Felipe Joffily

Avaliação:

Elenco: 4/5
Trilha Sonora: 3/5
Obra Completa: 2/5





Sinopse:

A socialite Gracinha de Medeiros (Christine Fernandes) contrata os atrapalhados seguranças Pedrão (Marcius Melhem) e Jorginho (Leandro Hassum) para tomarem conta do anel Tatu Tatuado de Topázio, uma herança de família, enquanto o objeto fica em exposição em um museu. Acontece que a joia é roubada e a dupla é acusada pelo furto. Para provar sua inocência, eles vão ter que enfrentar uma quadrilha de ninjas e até mafiosos portugueses, de olho no anel.



Resumo:

A socialite Gracinha de Medeiros é uma mulher rica e elegante. Para proteger um valioso anel que é herança de família, ela decidi contratar dois seguranças atrapalhados: Pedrão e Jorginho. O objeto está em exposição em um famoso museu e o trabalho dos dois seguranças é de extrema importância. Até que o valioso anel é roubado e os dois amigos se encontram em uma enrascada. Eles acabam sendo acusados de roubar a tão valiosa joia.

Aflitos e com bastante medo, eles decidem provar que são inocentes, até que Jorginho descobre que o valioso anel foi parar por circunstâncias duvidosas em seu estômago. Agora ele está com a joia valiosa em seu interior e, mesmo assim, precisa provar sua inocência junto a Pedrão. Acontece que a máfia e uma quadrilha de ninjas estão atrás dos dois. Além disso, Gracinha está visivelmente “apaixonada” por Pedrão. E agora?


Opinião:


Não assisti Caras de Pau por vontade própria. Assisti por falta de opção. Era Uma Noite no Museu 3 ou Os Caras de Pau, por isso, decidi dar uma chance ao duvidoso filme nacional. Confesso que não esperava absolutamente nada do filme. Ainda bem, porque o filme é péssimo!

"Ao infinito e além"
O roteiro do filme é incrivelmente péssimo. Posso começar criticando o primeiro ato mal elaborado. As explicações para os acontecimentos são inverossímeis e até idiotas, assim como os motivos que levaram tal coisa a acontecer. A cena inicial já me desanimou bastante, por se tratar de uma referência mal executada a um clássico do cinema investigativo. O diretor disse que o filme é explicitamente uma homenagem aos "Trapalhões". Coitada da trupe! Além disso, o longa possui várias outras referências a filmes de sucesso, como: A Dama e o Vagabundo e 007. Algumas soaram até bem, outras prefiro nem comentar.


Como sempre a dupla de palhaços tropeçou na hora de fazer piada. Irrito-me bastante com os estereótipos a qual o filme vinculou a imagem de várias pessoas. Aqui temos a desde a ricona fresca até o mordomo francês afeminado. Já vimos isso quantos milhões de vez? Hassum é o gordo atrapalhado que só se mete em confusão e Melhem é o inteligente que só pensa em furada. As raízes da série original estão preservadas, porém continuam mal executadas. Eles conseguiram fazer até a clássica briga de Cachorro X Gente ficar batida. Meu deus!

Lá vem o cachorro.
Os personagens do filme também são pobres de personalidade e originalidade. Gracinha não desperta apatia alguma e logo no começo do filme é possível perceber o real motivo da presença dela no filme. Um motivo incrivelmente besta e clichê! Também temos um grupo de policiais pra lá de chato. Ficou clara a piada que eles quiseram fazer com a classe, mas pra mim não funcionou. Prefiro nem falar sobre o grupo de mafiosos e os ninjas. Só consegui sentir vergonha alheia e vontade de sair do cinema antes que o filme terminasse.


Gostaria muito de saber quem escreve as piadas sem graça que esses dois soltam. É cada pérola! Pra mim, o que torna um filme de comédia bom é que ele tenha algo que o gênero remete. Graça! Os Caras de Pau não consegue arrancar nenhuma gargalhada do telespectador. Eu ri sim em alguns momentos, mas aquela risada mais parecendo um soluço. Sabem? Triste situação. Este filme desonra a comédia brasileira. Senti saudades de Minha Mãe é Uma Peça e Até Que a Sorte nos Separe - curiosamente com o Hassum como protagonista - nesses momentos.

Mais rica que a Beyonce.
O único lado positivo do filme é, sem dúvida, a fotografia. Senti bastante orgulho do cinema brasileiro nesse filme. Não por causa da produção em si, óbvio! Mas sim, pela excelente fotografia. Isso mostra o quanto estamos preparados para crescer e fazer cinema de mais qualidade. E quem sabe, um dia, sermos indicados a algum Oscar. Meus parabéns a todos os envolvidos no projeto gráfico do filme. Ficou impecável.


A trilha sonora é normal, nada de chamativo. Gostei bastante do figurino usado pelos atores. Achei bem original, porém também não é algo incrível. Foi bastante cômodo acompanhar Pedrão e Jorginho em suas aventuras pelas ruas de SP e do RJ. Gostei da maneira como eles exploraram a cidade e preferiram não usar cenários tão fantasiosos.

PARADO AI!
Os Caras de Pau é um filme decepcionante e sem graça. Seu clichê, já exposto logo no título do filme é escandaloso. A infantilidade e a mau execução de atos simples fizeram com que ele não se tornasse ao menos engraçado. O filme subestima a inteligência do público. Em suma, me despertou dois sentimentos: angústia e vergonha alheia. Logicamente não recomendo. Gaste seu tempo com coisa melhor do que isso.


4 comentários:

  1. Só de ver o trailer eu já não gostei muito do filme
    Não faz o meu estilo e esse estilo de comedia deles é bem irritante

    Beijos
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Confesso que eu estava louca pra ver esse filme, mas depois de ler sua critica eu fiquei meio em dúvida, acho que vou assistir outro filme no cinema, e deixar pra assistir esse em DVD!!! Mesmo assim, você fez ótimas considerações avaliando cada tópico da obra!!!

    http://fernandaconversandosobretudo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Nunca fui fã d'Os Caras de Pau, sempre achei meio forçado sabe, não conseguia rir das "palhaçadas" deles.
    Na verdade, eu nem sabia que tinha o filme, mas de qualquer forma eu ainda ia preferir Uma Noite no Museu 3! hahaha
    Adorei sua resenha do filme!!
    Beijos, Lerissa K. xD
    lerissakunzler.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi, trabalho no cinema e já vi esse filme, sim realmente é péssimo, concordo com tudo que você falou, quando alguém vai comprar o ingresso dá vontade de dar minha opinião, mas como cada um é cada um né kkkk.


    Beijos
    Passa lá:
    www.viagem-imaginaria.blogspot.com

    ResponderExcluir

Heey!

Agradecemos pela visita. O que achou do post? Compartilha sua opinião conosco. Obrigado :)
















EU VIVO LENDO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
DESIGN E DESENVOLVIDO POR SOFISTICADO DESIGN