Séries que Pretendo Assistir em 2014

Olá leitores, tudo bem? Fui dar uma olhada na planilha de postagens e decidi subir um post que eu estava com muita vontade de compartilhar com vocês. Hoje irei falar as séries de TV que pretendo assistir ainda este ano. Vamos lá!

Sobre as séries: American Horror Story, The Big Bang Theory, Orange is New Black, The 100, Revenge e Dexter.

Séries Para Assistir em 2014:



*American Horror Story

Não posso negar que as chamadas dessa série na TV me arrepiam, mas não posso dizer que não me chamam atenção. AHS é uma série de terror que conquistou milhares de fãs no mundo todo (inclusive alguns amigos meus). Com certeza a série não deve ser ruim, pois faz muito sucesso. Meta de 2014!

*The Big Bang Theory

Você sabe o que é  reverberar? De acordo com o dicionário é: "Repercutir, Espalhar" e, é isso, que TBBT ou TBT tem feito. A série foi lançada em 2007 e de lá pra cá já aconteceram muitas mudanças em seu enredo e núcleo, mas nunca vi nenhuma pessoa que gosta da série desistir dela. O que é extremamente raro, levando em conta os conteúdos atuais. Meta de 2014!

*Orange Is The New Black

Apesar de OITNB (adoro resumir) ser uma série nova, parece que já conquistou o público. Essa série é transmitida pela Netflix e por enquanto, nenhum canal faz a transmissão da mesma. O que mais chamou minha atenção para a série foi o enredo. O que será que uma mulher "santa" irá aprontar em um presídio cheio de "figuras"? Meta de 2014!

*The 100

Tenho certeza de que a maioria de vocês já ouviu falar dessa série. The 100 conta a história de 100 jovens, que são enviados para a terra após 97 anos de um desastre nuclear. O objetivo deles? Ver se nosso planeta está novamente habitável. A série já possui livro e eu já comprei meu exemplar. Meta de 2014!

*Revenge

Para algumas pessoas Revenge pode parecer uma série monótona e sem assunto, mas ao ler a sinopse algo me chamou a atenção, mais do que as afirmativas de algumas pessoas. Posso não gostar de Revenge, mas creio que valerá a pena assistir ao menos a 1 temporada. Meta de 2014!

*Dexter

Dexter já acabou, mas minha vontade de assisti-la ainda não cessou. Gosto muito de tudo que envolve "seriais killers" e matança (horrível, né?) por isso Dexter chamou tanto a minha atenção. Meta de 2014!

Por hoje é só isso. Vocês acompanham alguma das séries citadas acima? Conte-me tudo!

Music Life #2: Birthday, Everything e Águas Passadas.

Olá pessoal, tudo bem? Que tal começar a semana com o pé direito? Hoje darei algumas dicas de músicas para vocês, falando de cada uma separadamente. Vamos lá!

Saiba mais sobre os intérpretes dessas músicas: Katy Perry, Michael Bublé e Aliados.



1: Birthday - Katy Perry


Birthday é uma música divertida, ousada e diferente. Katy Perry retorna com seu humor e alegria aqui nessa faixa. A música possui uns batidos anos 80, mesclada com um instrumental magnífico, que proporciona ao ouvinte um prazer instantâneo. Em minha opinião, essa é uma das melhores músicas de Katy Perry!

2: Everything - Michael Bublé 



Essa música foi uma sugestão de uma leitora do blog. Everything é uma música calma. Sua letra fala de uma mulher maluca, Michael impõe várias características a essa "mulher selvagem". O que mais me encantou nessa música foi o refrão, no qual toda a música para e depois retorna com uma magnitude tremenda. 

3: Águas Passadas - Aliados


Águas Passadas foi uma música que me fisgou desde que a ouvi pela primeira vez. Não conhecia o grupo "Aliados", mas me surpreendi com a qualidade de suas músicas, em especial essa. A música carrega uma mensagem de amor e uma lição de moral em sua letra e, além disso, a música possui um ritmo contagiante.

Gostou do quadro? Sugira uma música para ser analisada no próximo post. 

Vivendo e Atualizando #12

Olá pessoal, como vão? Esta semana foi recheada de novidades no mundo do entretenimento e, é claro, eu não podia deixar de contá-las a vocês. Vamos lá!
Katy Perry lança o clipe de seu single "Birthday". Trailer da adaptação de "Garota Exemplar" é divulgado mundialmente. Vergara e Riba anuncia o lançamento de Diário de Um Banana: Maré de Azar.

Livros:

1 - Diário de Um Banana: Maré de Azar, será lançado em Maio.



O oitavo volume de Diário de Um Banana será lançado em Maio aqui no Brasil. Ansiosos? De acordo com Jeff Kinney. No novo livro, Heffley continua preso no ensino fundamental, no meio de um monte de gente maluca. E, segundo um resumo divulgado por Jeff Kinney, autor da série, Greg dessa vez irá viver uma maré de azar. Rowley Jefferson, seu melhor amigo, o abandona, e para encontrar novos amigos e mudar sua sorte ele precisa apostar na fé e confiar nas próprias decisões. 





Música:

1 - Katy Perry lança clipe do seu single "Birthday".



Os fãs esperaram ansiosamente e finalmente Katy Perry lançou o clipe de seu novo single "Birthday". O vídeo foi diferente de tudo que a cantora já fez, já que ela se gravou invadindo 5 festas aleatórias. Veja aqui!



2 - Pharrell Williams lança vídeo de "Marilyn Monroe"



Pharrell Williams já é um nome conhecido devido a sua música "Happy" que fez/faz um sucesso tremendo esse ano de 2014. Particularmente não gostei de "Marilyn Monroe", mas o clipe ficou bem anos 80. Veja aqui!








3 -  Demi Lovato no Brasil.



Demi Lovato é um nome conhecido no mundo e essa semana a cantora Pop desembarcou aqui no Brasil. O motivo? Ela irá realizar cinco shows de sua turnê: The Neon Lights Tour. Algum fã da Demi está lendo esse post?





Cinema:

1 - Último filme da trilogia "O Hobbit" tem título alterado.



O último filme da trilogia "O Hobbit" teve seu título alterado, isso mesmo! O nome cogitado anteriormente "Lá e de volta outra vez" não será usado. O diretor decidiu chamar o filme de "A Batalha dos Cinco Exércitos".





2 - É divulgado trailer de "Garota Exemplar".



A adaptação do sucesso "Garota Exemplar" já foi gravada e, recentemente, o trailer foi divulga por sua produtora. Nunca li o livro, mas o trailer me intrigou bastante. Veja aqui!




Resenha: P.S. Eu Te Amo - Cecelia Ahern

Olá pessoal, tudo bem? A resenha de hoje é sobre um livro muito famoso e romântico. Alguns dizem que ele é água com açúcar, mas irei afirmar que ele é bem mais que isso.

"Uma história emocionante e inteligente escrita por uma autora magnífica... Este romance excepcional sobre privação, amizade e perda amorosa é desolador e estimulante ao mesmo tempo."
 Autor: Express


Título: P.S. Eu Te Amo
Páginas: 368
Autor(a): Cecelia Ahern
Editora: Novo Conceito
Gênero: Romance
Ano de Publicação: 2012

Avaliação:

Capa: 4/5
Diagramação: 5/5
Obra Completa: 4,5 (Favorito)


Holly era feliz ao lado de seu marido Gerry, ela levava uma vida simples, mas cheia de amor e companheirismo, até que Gerry é diagnosticado com câncer e acaba falecendo.

Agora Holly é uma mulher preste à completar 30 anos, está deprimida e sem perspectivas de vida, só pensa em ficar em casa o tempo todo e sua única preocupação é fazer alguma coisa para poder ver Gerry novamente, até beber loucamente.

Um dia Holly vai à casa de sua mãe. Ao chegar sua mãe conta para ela que Gerry deixou um pacote contendo 12 cartas para ela, uma para cada mês. A felicidade é enorme, Holly não pensa duas vezes, pega as cartas e corre para abrir algumas dos meses anteriores, já pensando nas próximas cartas. A cada carta Gerry escreve um conselho ou ajuda para seguir em frente.

Depois de abrir algumas cartas à vida de Holly começa a mudar. Ela percebe que a morte do marido é uma fatalidade, mas é preciso seguir em frente e "chutar a lua" de acordo com seu marido. Com motivações, alegrias e saudades causadas pelas cartas, Holly precisa conviver diariamente com a saudade do marido, e não se esquecer de viver.

Opinião:

Comprei P.S. Eu Te Amo impulsivamente, o livro estava 9,90 em uma promoção da Saraiva e acabei não resistindo à promoção. Ainda bem que não me arrependi!

P.S. Eu Te Amo é o meu primeiro livro de Cecelia Ahern, a escrita da autora era inédita para mim. Muitos amigos meus já leram várias obras dela e todos - sem exceção - elogiam-na. Iniciei a leitura na cabeça de Holly, já que o livro é narrado em terceira pessoa. Logo no início o leitor percebe o luto da esposa de Gerry e o modo como ela está lidando aquilo.

"Os amigos e familiares se aproximavam e se afastavam, às vezes ajudavam-na enquanto ela chorava, às vezes faziam-na rir. Mas mesmo em seu riso, faltava alguma coisa. Ela nunca parecia totalmente feliz; parecia apenas estar deixando o tempo passar enquanto esperava por outra coisa. Estava cansada de apenas existir; queria viver. Mas para que viver se não existia vida na existência? Essas perguntas tomavam sua mente o tempo todo, até ela chegar ao ponto de não querer despertar de seus sonhos - eles eram o mais próximo da realidade."

P.S. Eu Te Amo é um livro sensível, com personagens enigmáticos e realísticos ao extremo. Creio que o ponto mais forte do livro são os personagens. Pela primeira vez em muitos meses encontrei um autor(a) que trabalha com todo os personagens criados de maneira igualitária. Aqui os coadjuvantes tem a mesma importância da protagonista e nada acontece sem que eles interfiram, principalmente o irmão de Holly.

A autora trabalha com excelência as questões familiares que envolvem os personagens. Holly nunca gostou de seu irmão Richard, por isso a autora resolveu trabalhar com eles e mostrar ao leitor o amadurecimento familiar e sentimental de cada um. Muita gente achou Holly chata, pois na maioria das vezes ela fica com inveja ou raiva de seus amigos por eles estarem se divertindo ou compartilhando alegrias com os outros, sendo que ela está viúva e sem perspectiva, mas quer saber? Entendo a Holly! Já perdi um membro de minha família e sei como é dolorosa a sensação, por isso Holly possui esses sentimentos egoístas.

"- Eu estou bem? - Holly repetiu a pergunta a si mesma. Olhou para a frente, para a coleção de ursinhos e bonecas que seus pais tinham se recusado a doar. -  Estou um monte de coisas. Ciara - Holly explicou, continuando a mexer na aliança. - Estou me sentindo sozinha, cansada, triste, feliz, sortuda, azarada; sou mil coisas diferentes todos os dias da semana. Mas acho que bem é uma delas."

O que falar sobre a edição? Está ótima! A diagramação está impecável, com folhas amareladas e fontes em um tamanho satisfatório. Há espaçamentos coordenados no livro e detalhes para o embelezamento da edição em cada capítulo. Incomodei-me apenas com uma coisa, a capa. A história é sobre a dor de uma esposa e o modo como ela tenta conviver com isso, por isso creio que várias possibilidades poderiam ser exploradas para um design mais confortável da capa. Não gostei, mas detalhes à parte.

"- Mas Holly, a vida de ninguém é repleta de momentos perfeitos. E se fosse, não seriam momentos perfeitos. Seriam apenas normais. Como você conhecia a felicidade se nunca passasse pelas fases tristes?."

Em meio a deslizes e mortes, P.S. Eu Te Amo se mostra um livro sensível e amável. Cecelia mostra ao seu leitor como o amor é importante e o modo como ele pode interferir positivamente ou negativamente em nossa vida. Jamais esquecerei essa leitura magnífica. Obrigado Cecelia!

TAG - Abrigo Nuclear

Olá pessoal, como vão? Decidi diversificar um pouco e trazer uma Tag para o blog. Fui indicado por cerca de 15 blogs (isso mesmo). A Tag foi criada pelo canal Literatour Tv.

“Imagine que uma grande catástrofe vai se abater em breve sobre o planeta Terra e você tem a oportunidade de se esconder em um abrigo nuclear! Cada pessoa que vai parar nesse lugar tem direito a levar apenas 10 livros para compor a biblioteca. Porém, seus escolhidos tem que estar de acordo com algumas categorias…”

Categorias e Respostas:

01) Um livro clássico que precisa ser lido.



Título: O Cortiço
Autor(a): Aluísio Azevedo
Nacionalidade: Brasil

Li este livro para um trabalho escolar e me surpreendi. Geralmente os livros exigidos pela escola e pelo vestibular são monótonos e complicados. Certo? O Cortiço não tem uma linguagem lá muito fácil, mas conquista o leitor através de seus personagens cativantes e pecadores.




02) Um livro que está na sua fila de espera faz tempo.



Título: Coração De Tinta
Autor(a): Cornelia Funke
Nacionalidade: Alemanha

Coração de Tinta é um livro famoso para o seu gênero e que atrai vários olhares dos leitores, mas por algum motivo não estou com vontade de lê-lo. Já vai fazer quase cinco meses que ele está parado na minha estante. Espero ler até Maio!




03) Um livro que tem ótimos personagens.



Título: A Guerra dos Tronos
Autor(a): George R.R.Martin
Nacionalidade: EUA

Guerra dos Tronos é o tipo de livro que possui mais personagens do que páginas em si. Martin nos apresenta diversos personagens, cada um deles com características e defeitos únicos. Incrível!




04) Um livro que não sai da sua mesa de cabeceira. 



Título: A Esperança
Autor(a): Suzanne Collins
Nacionalidade: EUA

Fiquei meio confuso a respeito dessa pergunta, mas vamos lá! Jogos Vorazes é minha séria atual preferida. Só perde para HP. O mundo distópico e os personagens criados por Suzanne Collins encantam qualquer leitor.





05) Um livro que te provocou reações físicas. 



Título: Caminhos de Sangue
Autor(a): Moira Young
Nacionalidade: Inglaterra

Caminhos de Sangue foi um dos melhores livros que já li na vida. Com uma protagonista forte e impulsiva, o leitor fica: depressivo, emocionado, raivoso, risonho e etc. Recomendo.

Resenha: Aqui



06) Um livro que te ganhou pelo título.



Título: Garotas de Vidro
Autor(a): Laurie Halse Anderson
Nacionalidade: EUA

Garotas de Vidro é um título muito interessante, mas infelizmente o livro deixou a desejar. Recomenda-se apenas para pessoas que possuem o estômago forte e paciência para narrativas densas.

Resenha: Aqui



07) Um livro que te fez pensar sobre ele por vários dias.



Título: Tony e Susan
Autor(a): Austin Wright
Nacionalidade: EUA

Tony e Susan, sem dúvida nenhuma, foi uma das minhas maiores surpresas literárias. O Autor nos presenteia com uma história dramática, mas cheia de metáforas, que encantam até a mente mais vazia.




08) Um livro que você acha que todos iriam gostar de ler.



Título: Extraordinário
Autor(a): R.J.Palacio
Nacionalidade: EUA

Extraordinário é um livro que faz jus ao seu nome. R.J.Palacio possui uma narrativa leve e impactante. Misture tudo isso com personagens divertidos e marcantes e tenha um livro maravilhoso.

Resenha: Aqui


09) Um livro que você leu por obrigação (na escola, faculdade), mas mesmo assim gostou.



Título: A Hospedeira
Autor(a): Stephenie Meyer
Nacionalidade: EUA

Tive que ler A Hospedeira para um projeto de blogs literários, estava muito desanimado com essa leitura, mas ela me pegou de surpresa e me emocionou, além de me entreter.

Resenha: Aqui


10) Um livro que você amou ganhar de presente.



Título: O Circo da Noite
Autor(a): Erin Morgenstern
Nacionalidade: EUA

O Circo da Noite é um livro belíssimo e, além disso, complexo. Ganhei esse livro do meu irmão e me surpreendi muito com todo o enredo criado pela autora. 

Resenha: Aqui

Pipoca de Sexta #33 - Divergente

Olá pessoal, como vão? Feriado (uhuuu). Hoje vou comentar com vocês minha opinião sobre a adaptação de Divergente da Veronica Roth. Vamos lá!

Resenha do livro: Aqui!


Título: Divergente
Elenco: Shailene Woodley, Theo James, Kate Winslet...
Distribuidora: PARIS FILMES
Ano de Lançamento: 2014
Nacionalidade: EUA
Classificação: 14 Anos
Direção: Neil Burger

Avaliação:

Elenco: 4/5
Trilha Sonora: 5/5
Obra Completa: 4/5



Sinopse: Na futurística Chicago, quando a adolescente Beatrice completa 16 anos ela tem que escolher entre as diferentes facções que a cidade está dividida. Elas são cinco, e cada uma representa um valor diferente, como honestidade, generosidade, coragem e outros. Beatrice surpreende a todos e até a si mesma quando decide pela facção dos destemidos, escolhendo uma diferente da família, e tendo que abandonar o lar. Ao entrar para a Dauntless, ela torna-se Tris e vai enfrentar uma jornada para afastar seus medos e descobrir quem é de verdade. Além disso, Tris conhece Four, um rapaz mais experiente na facção que ela, e que consegue intrigá-la e encantá-la ao mesmo tempo.



Em uma Chicago futurista Tris é uma jovem que está dividida em uma decisão que pode mudar sua vida. Qual facção escolher? Abnegação, Franqueza, Amizade, Erudição ou Audácia? Ela nasceu na Abnegação, mas seu coração não pertence mais a essa facção. Tris está pensando em deixá-la, mas terá ela coragem de se distanciar de sua família?

Chega o dia do teste, que serve apenas para direcionar o "candidato" para um lugar que ele se adaptará bem. Tris faz o teste, mas algo assustador é descoberto, ela é uma Divergente! Ela tem características de cada facção, é: Honesta, Generosa, Corajosa, Inteligente e Amigável. Um risco para a sociedade, já que o que se planta através das facções são ignorância e contenção humana.

No dia da escolha Tris vai para a Audácia, a facção dos corajosos. Ao chegar lá ela conhece Quatro, um treinador duro que tem seu coração amolecido por ela. A relação dos dois fica cada vez mais íntima, até que Quatro começa a alertar Tris dos perigos de ser descoberta. Um Divergente é morto, sem dada a chance de se explicar ou de pedir clemência. O que Tris irá fazer?

Opinião:

Primeiramente devo dizer que já li Divergente, mas não pretendo fazer comparações LivrosXFilme. Darei minha opinião sincera apenas sobre a obra cinematográfica.

A tela iluminou-se e a sessão de Divergente teve início. Logo no começo o telespectador é convidado para entrar na história, quando Tris narra um pouco da política da época e explica sobre as facções e o modo como funcionam, o único problema é que o "telespectador cru", aquele que não leu os livros de Veronica pode ficar meio perdido, pois a política é confusa e à medida que a história se desenvolve ela é aplicada e explicada de maneira rápida. Um erro de introdução clássico, parecido com o de "Jogos Vorazes".


Tá na hora de pular!
Depois da teoria vem à prática. Certo? Divergente começa a ficar emocionante depois de quase uma hora de filme, o telespectador já está um pouco familiarizado com todo aquele ambiente e proposta. Tris agora é refém do medo e com a ajuda de Quatro ela tenta se livrar desse sentimento. Divergente se solidifica através dos debates políticos, é isto que proporciona a ação. O telespectador fica sem fôlego em algumas cenas e em outras começa a refletir. Um acerto do diretor foi o clímax. Algumas histórias de ação (principalmente distopias) falham na hora de deixar o telespectador "respirar", Divergente proporciona essa sensação ao telespectador. Primeiro a teoria e depois a ação, ou seja: Segura o fôlego, mas depois pode soltá-lo novamente.

Chegando em grande estilo.
Algo que me decepcionou muito em Divergente foram os efeitos especiais. Tris precisa passar constantemente por testes em sua mente, o que desencadeia seus medos. Ao entrar em seus medos Tris descobre que os corvos, um dos seus piores temores, irão atacá-la. Sabe qual é o problema? A falsificação do ambiente em que ela está. Em algumas cenas a personagem se submete a situações mirabolantes, que não são recompensadas por um aplauso do público justamente devido aos efeitos ruins. A água até parece álcool em gel. Será falta de verba?

É óbvio que o entretenimento do público alvo de Divergente - ou seja, os adolescentes,  não ficariam á cargo apenas da ação. Tris e Quatro se apaixonam fervorosamente, mas uma relação em meio a conflitos sociais e psicológicos pode ser perigosa, não é? O diretor conseguiu transparecer esse perigo para as telas. Notei algo parecido com Crepúsculo, que é a abstinência sexual por qual Tris passa. Isso é bom, pois o romance não fica meloso demais e proporciona risadas e "Ownt" na medida certa.

Momento "Só love, só love"
O mais espetacular de Divergente, sem dúvida nenhuma, é a trilha sonora. Composta por nomes como: Ellie Goulding, Imagine Dragons e Foxes. O filme fica bem mais emocionante, pois a cada cena chave uma música é adicionada, músicas feitas especialmente para aquele momento que narram com notoriedade o sentimento dos personagens em meio a tudo aquilo. Parabéns a equipe!

Para o infinito e além!
Está na hora de encerrar está resenha. Divergente é uma adaptação fiel ao livro, que segue a risca as cenas primordiais ditadas por Veronica Roth. Possui ação na medida certa e boas doses de beijo na boca, o que não pode faltar em uma obra adolescente. Concorda? Enfim... Recomendo Divergente sem pestanejar, agora me deem licença, vou ler Insurgente. Bom feriado!

Ouça "Beating Heart" música da trilha sonora de Divergente: Aqui!

Resenha: Todo dia - David Levithan

Olá leitores, tudo bem? Hoje é dia de resenha e por isso estou aqui para falar de um livro que me surpreendeu, além de me encantar. Vamos lá!

"É um pouco másculo falar que este livro me fez chorar? É? Ok, então vou só dizer que este livro é incrível, e, com licença, tem alguma coisa no meu olho."
Daniel Handler - Autor de: Por isso a gente acabou


Título: Todo Dia
Páginas: 280
Autor(a): David Levithan
Editora: Galera Record
Gênero: YA
Ano de Publicação: 2013

Avaliação:

Capa: 5/5
Diagramação: 5/5
Obra Completa: 5/5




A não é uma mulher, muito menos um homem. Todo Dia A está em um corpo diferente, com sentimentos, gostos, razões e emoções diferentes. A não é negro, branco, pardo, ele também não sabe o que realmente é. Só se sabe que todo dia está trocando de corpo.

Um dia A acorda no corpo de Justin, um garoto que possui uma relação social difícil e, além disso, fuma e bebe. Será um dia diferente, disso A não tem dúvidas. Ao chegar à escola A conhece Rhiannon, uma garota comum, mas não para A. Ele se apaixona descontroladamente por ela, mas promete a si mesmo que não irá interferir em nada na relação de Justin, o corpo em que está e Rhiannon. 

A promessa não é cumprida. A leva Rhiannon para passear, mesmo ela estranhando totalmente aquela ação, já que Justin costuma ser frio e sombrio. Eles têm um dia maravilhoso, mas A não quer deixá-la, o problema é que em poucas horas ele sabe que terá que deixar o corpo de Justin. O que A fará para continuar com Rhiannon? Ele irá suportar essa vida?

Opinião:

Já li cerca de 140 livros, mas poucos deles conseguiram impactar-me da maneira que Todo Dia fez. Senti-me mais inteligente e, consequentemente, mais exposto a imaginação!

Não conhecia nenhuma obra do autor David Levithan, mas ao iniciar a leitura de Todo Dia comecei a me surpreender com sua narrativa prazerosa. O autor te faz viajar na história e te conecta de uma maneira impressionante com os personagens. Percebe-se que ele trabalha com o psicológico. O leitor fica atônito a cada diálogo ou pensamento de A, pois se sabe que algo profundo estará anexado ali.

"Chega uma hora em que o corpo domina a vida. Chega uma hora em que as necessidades do corpo, as carências do corpo ditam a vida. Você não tem ideia de que está oferecendo a chave ao corpo, mas entrega a ele assim mesmo. Então, ele assume o controle. Você mexe com os circuitos, e os circuitos passam a comandar."

O leitor pode estranhar alguns elementos do enredo no início, mas depois de um tempo acostuma-se. Levithan aborda diversas questões sociais em sua obra. Um viciado em drogas tem controle sobre o próprio corpo? Todos julgam, mas alguém ajuda? Mesclado com essas lições de morais uma narrativa filosófica é aberta ao decorrer da trama, pude perceber algumas citações indiretas a grandes filósofos e artistas contemporâneos. 

Trabalhar com religião é perigoso e deve-se evitar, pois cada um tem uma crença, e ninguém quer ser contrariado. Estou errado? O autor crítica a febre do ser humano com alguns diálogos introspectivos, que deixam de lado o enredo principal e passam a focar justamente na natureza humana, mostrando suas diversas camadas.

" Todos nós temos cerca de 98 por cento em comum com todos os outros. A raça é diferente apenas com uma construção social, e não como uma diferença inerente. E quanto à religião, quer você acredite em Deus, Javé, Alá ou qualquer outra coisa, é provável que, em seu coração, vocês queiram a mesma coisa. Por uma razão qualquer, nós nos concentramos nos dois por cento da diferença, e a maior parte dos conflitos que acontecem no mundo é consequência disso."

Depois de falar sobre as abordagens do autor. Chegou a hora de falar um pouco sobre o foco do livro, o romance entre A e Rhiannon. É impossível, ou quase, que um ser humano aceite a seguinte justificativa: "Todo dia estou em um corpo diferente". Como assim? Fiquei pensando por horas se realmente alguma pessoa ficaria com alguém que todo dia está em um corpo diferente. Você iria acreditar nessa história? Pra mim, apesar de várias provas de A, Rhiannon acredita muito rápido em algo quase inimaginável, mas são nesses momentos que o leitor deve lembrar que está lendo pura ficção!

"Se você olhar para o centro do universo, existe frieza lá. Um vazio. No final das contas, o universo não se importa conosco. O tempo não se importa conosco.
 É por este motivo que temos que cuidar um do outro."

A edição está incrível. Dessa vez a Galera Record fez um trabalho magnífico. A diagramação está impecável. Apresenta fontes no tamanho certo e o leitor não irá conseguir encontrar um erro de ortografia. A capa traduz o livro. Através de um tom fosco é dado vida a A, como se a existência dele fosse uma metáfora para algo maior. Excelente! 

Encerro está resenha com uma recomendação. Leia Todo Dia! Além de ser um livro profundo, memorável e gostoso, não é apenas um romance bobo. O autor usa o romance para passar uma mensagem maior, mensagem essa, que pode ser captada de diferentes formas por diferentes tipos de mente. Um dos melhores livros da vida!

Top 5: Livros para se ler em um dia!

Olá pessoal, como vão? Depois de uma semana nada calma e uma rotina turbulenta estou aqui para contar para vocês cinco livros que podem ser lidos em um dia. Pessoas sem tempo adoram listas desse tipo. Vamos lá!

Resenhas dos livros citados: Anjos à Mesa,  A Invenção de Hugo Cabret, Deixe a Neve Cair, Óculos, Aparelho e Rock'N'Roll e Um Porto Seguro.



Lista:

1: Deixe a Neve Cair - John Green, Lauren Myracle e Maureen Johnson



Deixe a Neve Cair é um livro de contos. John Green, Maureen Johnson e Lauren Myracle são os autores dessas histórias. Os contos fluem rapidamente e toda a atmosfera natalina e gelada do livro prende o leitor ainda mais. Leia!









2: Anjos à Mesa - Debbie Macomber



Anjos à Mesa é um livro encantador, que remete ao seu leitor uma história de superação e amizade. Acredito que ele pode ser lido em um dia, pois a escrita da autora é deliciosa e a fonte é bem grande.









3: Um Porto Seguro - Nicholas Sparks



Nicholas Sparks é um autor extremamente conhecido, seus livros sempre são elogiados por todo tipo de leitor. Li Um Porto Seguro sem expectativa nenhuma, mas acabei me surpreendendo. Ele é envolvente. Você certamente conseguirá ler em um dia!








4: Óculos, Aparelho e Rock'N'Roll - Meg Haston



Óculos, Aparelho e Rock'N'Roll é um livro muito leve, que trata a questão da amizade e mostra ao leitor o amadurecimento de uma personagem egoísta. Lê-lo em um dia é tarefa fácil, já que seu número de páginas e a narrativa da autora contribuem para isto.








5: A Invenção de Hugo Cabret - Brian Selznick


A Invenção de Hugo Cabret é um livro composto por ilustrações belíssimas. A história gira em torno de Hugo, um menino que vive em uma estação de trem na França e ao descobrir uma máquina que seu pai deixou para ele tudo muda drasticamente. O livro tem cerca de 500 páginas, mas só 200 delas são escritas, as outras são compostas apenas de ilustrações.

A Arte de Viver é Debater #3 - Lojas Virtuais

Olá pessoal, como vão? Estava com saudades de debater um pouco com vocês sobre os assuntos do mundo literário e estou aproveitando o tempo que tenho para fazer esse post. Vamos lá!

Nesta coluna irei trabalhar com perguntas e suas respectivas respostas, tratando de tirar dúvidas e debater sobre diferentes assuntos.



A cada dia que se passa a compra em lojas virtuais se torna algo mais comum e frequente, mas será que as pessoas estão conscientes dos ricos e já possuem todas as suas dúvidas estabelecidas a respeito delas?  Todo o cuidado é pouco na hora de realizar sua compra pela internet.

1: Como posso evitar golpes e fazer uma compra segura?

Para ter certeza de que suas compras serão efetuadas com segurança e que nada de mal possa ocorrer com seus dados, faça o seguinte: Feche todas as abas abertas em seu computador, deixe somente a aba do site que você está efetuando a compra. Não compre em sites que você desconhece e procure pesquisar o histórico deste site na internet para ver se ele realmente cumpre com o que está prometendo. Evite colocar senhas fáceis demais, use senhas de difícil acesso que só você saiba, data de aniversário do cachorro já não é mais algo a se confiar.

2: Quais sites você recomenda?

Já comprei de tudo um pouco na internet e, é claro, utilizei vários sites de compras para isto. Todos os sites onde realizo minhas compras são de minha total confiança, são eles: Submarino, Extra, Ponto Frio, Saraiva, Ricardo Eletro e Americanas. Nunca tive o desprazer de sofrer na mão desses sites. Compre sem medo!

3: E se acontecer algum problema e eles não resolverem?

Nunca aconteceu comigo, mas se algum problema te incomodar e o site não se disponibilizar simpaticamente para resolvê-lo, você pode recorrer a meios que defendem o consumidor. PROCON, Polícia, Anatel, Seguros e etc. Já tive problemas com uma rede de telefonia e assim que denunciei-a por não cumprir com o seu papel e não resolver o problema,tive resposta imediata.

Essas foram as dicas e discussões de hoje pessoal. Vocês já comparam em uma loja virtual? Gostaram do atendimento? Houve problemas? Vamos conversar!

Resenha: Óculos, Aparelho e Rock'N'Roll - Meg Haston

Olá leitores, como vão? Desculpem-me a demora em postar, mas eu estava viajando e não tive tempo para preparar nada para vocês. Hoje irão conferir a resenha de Óculos, Aparelho e Rock'N'Roll.

Confira o post sobre a capa do livro: Aqui!

Título: Óculos, Aparelho e Rock'N'Roll
Páginas: 304
Autor(a): Meg Haston
Editora: Intrínseca
Gênero: Infanto-Juvenil
Ano de Publicação: 2012

Avaliação:
Capa: 5/5
Diagramação: 5/5
Obra Completa: 4/5



Kacey Simon é uma garota de 13 anos que tem a vida perfeita. Ela é a mais bonita e popular garota da escola, além disso, possui um programa na escola chamado "Simon Falando" onde dá conselhos para as pessoas, mas será que ela não precisa de um conselho?

Kacey abusou das lentes, ela precisará usar óculos por duas semanas, além disso, Kacey terá que colocar o aparelho mais feio da clínica para concertar uma imperfeição na arcada dentária, mas Kacey começa a se perguntar: Como irei conseguir ensaiar na peça? Ela é protagonista da peça de teatro do colégio e seu par é o garoto mais desejado da escola. A garota que era a mais popular e dava conselhos agora está em uma situação nada agradável.

Kacey sofrendo com os óculos e aparelhos procura ajuda de Paige, sua vizinha e ex-amiga, já que todas as suas "amigas" abandonaram-na por não quererem andar com uma "nerd". Kacey descobre que a ajuda de onde menos se espera pode ser a mais necessária e com Paige começa a ver que tudo o que ela pensava e colocava como objetivo de vida estava errado. É preciso mudar!

Opinião:

Avaliar um livro para crianças é complicado. Pensei muito e decidi que levarei em conta os detalhes do livro apenas para seu gênero, pois não posso fazer uma crítica sobre a obra tentando obter características de livros mais maduros. Correto?

Peguei este livro sem nenhuma expectativa. O que me chamou a atenção foi à capa, pois o resto eu descartava. Nunca devemos julgar antes de conhecer! Iniciei a leitura e me peguei preso pela narrativa da autora, ela narra a história excepcionalmente bem e consegue fazer com que os acontecimentos fluam com naturalidade sem que as coisas pareçam estranhas. O desenrolar da obra se dá através de seus personagens, eles, assim como em outros livros infantis, são o que conta, a ambientação clichê ajuda a entendê-los, a autora os apresenta com o auxílio da mesma. Não deixa nada solto.

"Certo. Não pode ser. A verdadeira Kacey Simon não aceita não como resposta . A verdadeira Kacey Simon pressiona até conseguir o que quer. A verdadeira Kacey Simon...
... desapareceu quando comecei a usar óculos e aparelho."


Os personagens são o ponto mais forte do livro. Kacey me irritou profundamente e, além disso, a autora me desagradou fortemente em um detalhe: A idade de Kacey. Ela tem 13 anos, mas se comporta, tem pensamentos e atitudes de uma adulta. Se a autora tivesse a colocado com 15 ou 16 anos as coisas iriam ficar bem mais verossímeis. Paige foi à personagem que mais gostei, ela é inteligente, humilde e simpática, tudo o que uma personagem deve ser para "amarrar" o leitor na narrativa.

Óculos, Aparelho e Rock'N'Roll é um livro para ser admirado dentro do seu gênero, pois diferente dos outros ele passa uma bela mensagem em sua narrativa, não se preocupa apenas com entreter e fazer rir - o que a autora consegue fazer muito bem. Todas as situações e constrangimentos passados por Kacey são de alguma moral futuramente e a cada página lida o leitor vai percebendo o amadurecimento dos conselhos da autora e como ela os encaixa perfeitamente na obra.

“É inacreditável como algumas pessoas podem ser tão superficiais. Quem se importava com festas de aniversário com tantas coisas horríveis e trágicas acontecendo no mundo? Desastres inomináveis, devastações atingindo milhões de vítimas impotentes ao redor do mundo? Furacões. Inundações. Terremotos.
Óculos.”


A edição está magnífica, a editora Intrínseca arrasou, como sempre. A capa do livro é toda composta de cores fortes e seu fundo preto com desenhos que imitam tatuagens adolescentes, é incrível. A diagramação está bem distribuída na edição, além disso, o leitor irá ter a surpresa de encontrar algumas gravuras ao longo da obra.

“Aqui é a Simon falando que coadjuvantes também têm (alguma) importância. Pense só. Sem um elenco de apoio, quem iria distrair o público enquanto a estrela troca de figurino?”

Óculos, Aparelho e Rock'N'Roll é um misto de clichê, humor adolescente e citações de obras contemporâneas. Recomenda-se caso queira se divertir!

Vivendo e Atualizando #11

Olá leitores, como vão? Março se passou e com ele muitas novidades marcam o mundo do entretenimento. Vamos conferir todas essas novidades!
Lollapalooza será realizado no Brasil dias: 05 e 06 de Abril. Trailer de Maze Runner é divulgado pela Fox. Paula Pimenta anuncia chegada de novos livros.


Livros:

1- "A Menina Que Roubava Livros" permanece na lista dos dez mais vendidos do Brasil pela 119 semana!



Markus Zusak está de parabéns. O autor tem muitas obras, mas é óbvio afirmar que "A Menina Que Roubava Livros" é a maior delas. O livro está há assustadoras 119 semanas na lista de mais vendidos do Brasil. Tá bom ou quer mais?








2- Paula Pimenta, autora da série brasileira de sucesso "Fazendo Meu Filme" anuncia novos livros para 2014.



A autora brasileira Paula Pimenta disse no seu Facebook dia 31 de Março o seguinte: "Essa semana eu tenho que entregar dois livros (que serão publicados ainda no primeiro semestre)".

Pelo jeito vem livro coisa boa por aí. Fãs comemorem!





Música:

1- Cantora Ellie Goulding lança clipe de "Beating Heart" música tema da adaptação cinematográfica "Divergente".



A cantora do Hit "Burn" foi escolhida para fazer parte da trilha sonora da adaptação cinematográfica "Divergente". O clipe de "Beating Heart" foi liberado, o clipe foi lançado dia 28/03 e já acumula quase dois milhões de visualizações! 

Confira o clipe: Aqui






2- O festival "Lollapalooza" acontecerá em São Paulo dias 05 e 06 de Abril.



Um dos maiores festivais do mundo estará novamente no Brasil. Lollapalooza será realizado nos dias 05 e 06 de Abril em São Paulo. As principais atrações são: Lorde, Imagine Dragons, Ellie Goulding, Muse, New Order e etc.

Confira tudo sobre o festival no seu site oficial: Aqui






Cinema:

1- Fox libera o trailer de "Maze Runner: Correr ou Morrer".



Os fãs de "Maze Runner" já podem comemorar. A Fox divulgou o trailer da adaptação "Maze Runner: Correr ou Morrer" dia 17/03. Os fãs estão extremamente ansiosos e aflitos para conferir o filme que tem sua estreia marcada nos cinemas para Julho.

Confira o trailer: Aqui




2- Divulgadas imagens inéditas do set de gravações de "A Esperança - Parte 1".



Foram divulgadas imagens inéditas do set de gravações da adaptação cinematográfica "A Esperança - Parte 1". Devo dizer que como tributo fiquei extremamente curioso e, é claro, ansioso para assistir logo está obra de arte. Que venham mais imagens!








Foi isso pessoal. Gostaram? Beijos e Abraços!
Eu vivo lendo. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design