Resenha: Todo dia - David Levithan

16 de abril de 2014

Olá leitores, tudo bem? Hoje é dia de resenha e por isso estou aqui para falar de um livro que me surpreendeu, além de me encantar. Vamos lá!

"É um pouco másculo falar que este livro me fez chorar? É? Ok, então vou só dizer que este livro é incrível, e, com licença, tem alguma coisa no meu olho."
Daniel Handler - Autor de: Por isso a gente acabou


Título: Todo Dia
Páginas: 280
Autor(a): David Levithan
Editora: Galera Record
Gênero: YA
Ano de Publicação: 2013

Avaliação:

Capa: 5/5
Diagramação: 5/5
Obra Completa: 5/5




A não é uma mulher, muito menos um homem. Todo Dia A está em um corpo diferente, com sentimentos, gostos, razões e emoções diferentes. A não é negro, branco, pardo, ele também não sabe o que realmente é. Só se sabe que todo dia está trocando de corpo.

Um dia A acorda no corpo de Justin, um garoto que possui uma relação social difícil e, além disso, fuma e bebe. Será um dia diferente, disso A não tem dúvidas. Ao chegar à escola A conhece Rhiannon, uma garota comum, mas não para A. Ele se apaixona descontroladamente por ela, mas promete a si mesmo que não irá interferir em nada na relação de Justin, o corpo em que está e Rhiannon. 

A promessa não é cumprida. A leva Rhiannon para passear, mesmo ela estranhando totalmente aquela ação, já que Justin costuma ser frio e sombrio. Eles têm um dia maravilhoso, mas A não quer deixá-la, o problema é que em poucas horas ele sabe que terá que deixar o corpo de Justin. O que A fará para continuar com Rhiannon? Ele irá suportar essa vida?

Opinião:

Já li cerca de 140 livros, mas poucos deles conseguiram impactar-me da maneira que Todo Dia fez. Senti-me mais inteligente e, consequentemente, mais exposto a imaginação!

Não conhecia nenhuma obra do autor David Levithan, mas ao iniciar a leitura de Todo Dia comecei a me surpreender com sua narrativa prazerosa. O autor te faz viajar na história e te conecta de uma maneira impressionante com os personagens. Percebe-se que ele trabalha com o psicológico. O leitor fica atônito a cada diálogo ou pensamento de A, pois se sabe que algo profundo estará anexado ali.

"Chega uma hora em que o corpo domina a vida. Chega uma hora em que as necessidades do corpo, as carências do corpo ditam a vida. Você não tem ideia de que está oferecendo a chave ao corpo, mas entrega a ele assim mesmo. Então, ele assume o controle. Você mexe com os circuitos, e os circuitos passam a comandar."

O leitor pode estranhar alguns elementos do enredo no início, mas depois de um tempo acostuma-se. Levithan aborda diversas questões sociais em sua obra. Um viciado em drogas tem controle sobre o próprio corpo? Todos julgam, mas alguém ajuda? Mesclado com essas lições de morais uma narrativa filosófica é aberta ao decorrer da trama, pude perceber algumas citações indiretas a grandes filósofos e artistas contemporâneos. 

Trabalhar com religião é perigoso e deve-se evitar, pois cada um tem uma crença, e ninguém quer ser contrariado. Estou errado? O autor crítica a febre do ser humano com alguns diálogos introspectivos, que deixam de lado o enredo principal e passam a focar justamente na natureza humana, mostrando suas diversas camadas.

" Todos nós temos cerca de 98 por cento em comum com todos os outros. A raça é diferente apenas com uma construção social, e não como uma diferença inerente. E quanto à religião, quer você acredite em Deus, Javé, Alá ou qualquer outra coisa, é provável que, em seu coração, vocês queiram a mesma coisa. Por uma razão qualquer, nós nos concentramos nos dois por cento da diferença, e a maior parte dos conflitos que acontecem no mundo é consequência disso."

Depois de falar sobre as abordagens do autor. Chegou a hora de falar um pouco sobre o foco do livro, o romance entre A e Rhiannon. É impossível, ou quase, que um ser humano aceite a seguinte justificativa: "Todo dia estou em um corpo diferente". Como assim? Fiquei pensando por horas se realmente alguma pessoa ficaria com alguém que todo dia está em um corpo diferente. Você iria acreditar nessa história? Pra mim, apesar de várias provas de A, Rhiannon acredita muito rápido em algo quase inimaginável, mas são nesses momentos que o leitor deve lembrar que está lendo pura ficção!

"Se você olhar para o centro do universo, existe frieza lá. Um vazio. No final das contas, o universo não se importa conosco. O tempo não se importa conosco.
 É por este motivo que temos que cuidar um do outro."

A edição está incrível. Dessa vez a Galera Record fez um trabalho magnífico. A diagramação está impecável. Apresenta fontes no tamanho certo e o leitor não irá conseguir encontrar um erro de ortografia. A capa traduz o livro. Através de um tom fosco é dado vida a A, como se a existência dele fosse uma metáfora para algo maior. Excelente! 

Encerro está resenha com uma recomendação. Leia Todo Dia! Além de ser um livro profundo, memorável e gostoso, não é apenas um romance bobo. O autor usa o romance para passar uma mensagem maior, mensagem essa, que pode ser captada de diferentes formas por diferentes tipos de mente. Um dos melhores livros da vida!

14 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Oi Biel! Sua resenha ficou realmente ótima e me deu muita vontade de ler esse livro. Acho que vou gostar bastante. Talvez nem tanto quanto você, pois acho que não irei concordar com algumas coisas, mas esse parece ser um livro memorável.
    Beijos,

    Letícia
    http://www.odomdaescrita.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá Gabriel!

    Essa foi uma das melhores resenhas que você já escreveu, você é bom em expressar opinião, mas dessa vez você colocou tanta verdade no que escreveu que eu me senti obrigada a ler o livro.

    beijos
    http://osuficientee.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. já estava de olho nesse livro, mas depois dessa resenha sou obrigada a comprar. hehe

    adoro o blog!

    bjs

    www.marciacsf.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oie, tudo bom?
    Todo mundo que eu conheço fala bem desse livro, eu até comecei a ler no kindle mas não me empolguei. Tua resenha me deu um up para continuar a leitura *-* acho que vou gostar;

    Beijocas! paixaoliteraria.com

    ResponderExcluir
  6. PRECISO LER ESSE LIVRO! Mas não posso comprar nada no momento :(
    Beijos.
    http://www.garotadolivro.com/

    ResponderExcluir
  7. OI Biel,
    Esse livro veio a tona de uma hora pra outra, e parece ser ótimo. Sua resenha só me deixou com mais vontade de ler.. Perfeita <3 Não sei como você consegue... Fã <3

    Abraços, Lê.

    www.obaudosmelhores.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Biel.
    Todo mundo está falando bem desse livro, eu quero muito lê-lo. Adorei sua resenha.
    Abraço!
    www.likelivros.blogspot,com

    ResponderExcluir
  9. Eu tenho muita vontade de ler este livro, mas ainda não o comprei. Fico feliz em saber que a história é tão boa quanto eu imaginei e espero poder ler em breve.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Eu já li esse livro, também gostei muito! Mas confesso que fiquei uns dias extremamente chateada com o final, de forma nenhuma esperava terminar do jeito que foi! Mas de qualquer forma, é uma linda leitura! Adorei a resenha ;)

    Já to seguindo o blog no face para não perder nada!!
    Abraços
    Isadora

    http://novoromance.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi, Gabriel. Tudo bem?
    Hora ou outra encontro resenhas sobre esse livro, eu ainda não me interessei... Acho que não é muito o meu estilo literário. Mas quem sabe um dia, né? hahah

    Adorei a resenha, gostei de como você divide a avaliação. Uma excelente ideia.
    Acabei de conhecer o blog e já estou seguindo,
    Beijão!
    www.enfimepilogo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Olá
    Li esse livro recentemente e gostei também. Achei essa sacada do autor de fazer pensar nos futuros dos personagens bem bacana! Tiveram algumas coisinhas que me incomodaram, mas no geral eu gostei muito do livro! Curti sua resenha =D

    Abraços!
    www.umomt.com

    ResponderExcluir
  13. Parabéns pela resenha Gabriel! Já li Todo Dia e amei! Foi uma das minhas melhores leituras de 2014! Abraço!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  14. Eaee Gabriel.

    Quero muito ler esse livro. Quando ouvi sobre o que se tratava achei que ia ser um livro super chato, mas lo e assisti algumas resenhas e agora estou com muita vontade de ler. Já encontrei ele por preços baixíssimos no Submarino mas tenho tanta coisa pra ler e reler aqui em casa...

    Abraço

    http://maniadeleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Heey!

Agradecemos pela visita. O que achou do post? Compartilha sua opinião conosco. Obrigado :)
















EU VIVO LENDO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
DESIGN E DESENVOLVIDO POR SOFISTICADO DESIGN