Pipoca de Sexta #31 - Histórias Cruzadas

7 de março de 2014

Olá leitores, tudo bem? Hoje trago minha opinião sobre um filme extremamente tocante e bonito. Vamos conferir!

PS: Confira a ficha completa do filme. Aqui!

Título: Histórias Cruzadas
Elenco: Emma Stone, Jessica Chastain, Viola Davis...
Distribuidora: Disney/Buena Vista
Gênero: Drama
Ano de Lançamento: 2011
Nacionalidade: EUA
Classificação: Livre
Direção: Tate Taylor

Avaliação:

Personagens: 5/5
Trilha Sonora: 4,5/5
Obra Completa: 4/5



Sinopse: Jackson, pequena cidade no estado do Mississipi, anos 60. Skeeter  é uma garota da sociedade que retorna determinada a se tornar escritora. Ela começa a entrevistar as mulheres negras da cidade, que deixaram suas vidas para trabalhar na criação dos filhos da elite branca, da qual a própria Skeeter faz parte. Aibileen Clark, a emprega da melhor amiga de Skeeter, é a primeira a conceder uma entrevista, o que desagrada a sociedade como um todo. Apesar das críticas, Skeeter e Aibileen continuam trabalhando juntas e, aos poucos, conseguem novas adesões.



Skeeter é uma garota simples, que não concorda com as imposições da sociedade branca com relação aos negros. Depois de voltar a sua cidade natal e ganhar um emprego em uma coluna de um famoso jornal, ela resolve escrever sobre a vida das domésticas e retratar todo o sofrimento vivido por elas. O diferencial se dá, pois não é Skeeter que escreverá toda a matéria, ela contará com a ajuda de Aibileen uma veterana na profissão. Após iniciarem o projeto, elas começam a perceber que tudo pode dar realmente certo e decidem convocar mais profissionais para darem seus depoimentos, mas ninguém quer se comprometer em uma época de injustiças e crimes contra os negros. E agora?

Opinião:


Compreender a natureza humana nunca foi fácil. Somos seres inconsequentes, chamados de racionais por egoísmo, pois na maioria das vezes, mostramos o contrário. Histórias Cruzadas remete através de um enredo simples e cru, a frivolidade humana e trata com bom humor um assunto polêmico: O racismo.


Já assisti vários filmes que me emocionaram, alguns deles me fizeram refletir sobre minhas ações e suas consequências, mas nenhum conseguiu me impactar tanto como Histórias Cruzadas.


Skeeter começando a escrever.
Histórias Cruzadas é a adaptação do livro "A Resposta", publicado no Brasil pela Bertrand. O filme contém personagens excelentes, cada um com uma característica marcante. Skeeter é aquele tipo de mulher que devemos aplaudir de pé, mesmo diante das dificuldades ela não abaixou a cabeça e decidiu lutar, junto com todas as mulheres negras, por um mundo mais justo e igual. Aibileen me arrancou lágrimas, ela não é a personagem mais engraçada do filme, mas sem dúvida alguma é o grande destaque.

Aibileen
Fiquei surpreso! Após fazer uma pesquisa, descobri que o filme foi indicado a três Oscars. Melhor Filme. Melhor Atriz. Melhor Atriz Coadjuvante. Isso, sem dúvida nenhuma, é uma alegria para mim, saber que uma obra que me marcou tanto obteve tanto sucesso é extraordinário.

Skeeter, Aibileen e Minny.
O maior objetivo do filme, é com certeza, retratar o preconceito e suas diversas camadas. O telespectador ficará revoltado com as "mulheres de alta sociedade", elas são mulheres brancas, que tem como objetivo na vida: impressionar o marido e pintar as unhas, enquanto suas empregadas ficam cuidando de seus filhos carentes e sofrendo humilhações. Uma das mulheres, a odiada Hilly, sugere que um banheiro só para as empregadas seja construído em todas as moradias e, é claro, isso acontece... Pois é, daí só piora.

Hilly. Ódio!
O que dizer sobre os figurinos? Como Histórias Cruzadas se passa em uma época em que vestidos eram a tendência, transformar as personagens em verdadeiras obras de arte, com certeza, foi fácil. Nunca fui de reparar em roupas, mas aqui você percebe que o figurino faz a diferença e conta pontos na hora de entreter.

Célia e Minny (comédia).
Depois de tanto elogiar você quer saber, há defeitos? É claro! Apesar de ser um filme tocante, o problema aqui é a previsibilidade e o esteriótipo - Como assim? Você sabe o que vai acontecer antes mesmo das personagens abrirem a boca, mas não é algo escandaloso, é apenas um estilo controverso de final de contos de fada.

Começou o racismo...
Enfim... Histórias Cruzadas já é um dos meus filmes favoritos, veio para fazer o telespectador refletir, se emocionar e enxergar as metáforas da vida. Recomenda-se!

Assista ao trailer:

22 comentários:

  1. Aii que lindo!! Eu quero muito assistir esse filme.. Adorei a dica!
    beijos

    http://girlfreakbooks.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oie! Parece ser um ótimo filme!!!
    Bjs, comenta por favor nessa resenha ajudaria muito: http://resenhasteen.blogspot.com.br/2014/03/a-aposta-o-jogo-de-seducao-esta-prestes.html

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    já tinha ouvido falar sobre o livro e quando procurei me deparei com um preço exorbitante e desisti da compra. Porém, na época eu não sabia que ele tinha filme e agora estou decidido a baixar e assistir. Quem sabe ele não faça eu catar e juntar as moedinhas para comprar o livro?
    Adorei sua crítica!!
    Super Abraço, Victor Rosa
    encantosparalelos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Adorei.
    Sempre senti vontade de assistir esse filme. Depois de ler as tuas palavras, vou esse fim de semana mesmo. =)
    Parabéns,

    www.livrosechimarrao.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Nossa, eu assisti Histórias Cruzadas para fazer um trabalho na escola e não poderia ter sido um filme melhor! É realmente lindo e tocante, além de ter uma comédia suave e muito boa. Eu adoro todas as histórias que retratam o preconceito, pq é sempre bom quando a gente se coloca no lugar do outro e vejo uma forma de me sensibilizar com a situação deles. É um ótimo filme mesmo!!!! E verdade, apesar de previsível e tal, continuou sendo espetacular, o que eu vejo como positivo!!!

    Beijos, Mayara
    Recordando Palavras
    http://recordandopalavras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Olá Gabriel!
    Parece mesmo ser um filme muito bom!
    Espero conseguir assistir algum dia... Não sou muito de filmes, prefiro séries :)
    Ótima indicação! Beijos,
    Ana M.
    http://addictiononbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oiie, Biiel td bem com vc?
    Esse parece ser ótimo já tinha ouvido falar, muito bem dele.
    Depois desse comentário seu sobre ele acho que vou assistir esse fim de semana mesmo.
    Parabéns pelo Post Biiel, Abraços.

    www.obaudosmelhores.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Tenho muita vontade de ver esse filme =) fico vendo a propaganda dele na sky e só não assisti ainda por puro desencontro de horários...mas depois de ler o que tu disse acho que vou criar vergonha na cara e baixar porque parece que vale a pena.

    http://www.doseliteraria.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Tenho vontade de ler o livro, já sabia do filme, mas nunca vi uma critica sobre ele e a sua me chamou atenção, já que não tenho o livro, vou procurar e assisti-lo esse fds :))
    Brubs
    contodeumlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Esse filme parece ser bem divertido. Adoro filmes com temática oitentistá e similares. Como gostei de Hairspray devo gostar desse também.

    Tiago do Ônibuslondrino.wordpress.com

    Parabéns pela pastagem, me fez querer ver o filme. Até mais!

    ResponderExcluir
  11. Oi Gabriel!
    Eu já vi esse filme e também gostei! Também fiquei com muita raiva da Hilly... Pior é saber que, hoje em dia, ainda tem muita gente que concorda com ela!

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  12. Nunca tinha ouvido falar deste filme e sua resenha me chamou muito a atenção. Vou colocá-lo na minha lista de filmes para assistir. Ótimo post.


    Beijos!
    Polly - Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  13. Excelente resenha Gabriel, apesar de não ser meu tipo de filme preferido vc acendeu a curiosidade. E sim o ser humano muitas vezes é totalmente desprovido de humanidade, inconsequente e irracional... E o filme ainda foi indicado ao Oscar! Ótima pedida.

    Beijos

    www.reticenciando.com

    ResponderExcluir
  14. Esse filme está na minha watchlist há muito tempo, mas são tantos filmes que eu sempre ponho na frente... Vou tentar assisti-lo o mais breve possível :)

    Beijos
    aritmeticadasletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Tava precisando mesmo assistir um filme emocionante e não sabia qual!
    Valeu pela dica, esse parece ser muito bom :D
    Beijinhos
    http://www.interacaoliteraria.com/

    ResponderExcluir
  16. Ainda não conhecia o filme e nem o livro, mas com certeza vou assistir e quem sabe ler rs
    Beijos
    http://webteentwl.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Adoro filmes assim, que nos fazem pensar, muitas vezes ficando na cabeça. Com exceção de tentar ir a cinema, eu não costumo ver muito filme, mas vejo muitos de vez em quando (ahn?). Tipo, fico meses sem ver nenhum, e aí pego uns três dias e vejo uns três filmes seguidos em cada um deles. Então vou dar uma olhada nesse para baixar e deixar aqui quietinho quando vier a vontade de ver um.

    Té mais...
    http://bmelo42.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. O que eu mais gosto nesta coluna são os filmes que você coloca que eu nunca ouvi falar como esse, pois assim tenho a chance de conhecer filmes novo.

    Acredito que vou gostar deste filme, pois pela sua resenha eu já imagino como o filme deve ser realmente emocionante.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Gostei da dica Gabriel. Tenho muita curiosidade em assistir o filme. A temática abordada é bem interessante, principalmente por retratar o racismo em suas diversas camadas. Abraço!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  20. Uau Gabriel, que resenha perfeita! Como posso ainda não ter assistido a esse filme, ou lido o livro? Que absurdo! É uma pena nos darmos conta que essa coisa de mulheres da alta sociedade que só pensam em coisas fúteis e delegam as importantes as suas empregadas permanece nos dias de hoje em algumas famílias. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  21. Olá Gabriel,

    Esse filme parece ser muito bom mesmo, a sinopse nos deixa curioso e sua resenha também....boa dica....abraços.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  22. já ouvi falar mega bem do livro, e fiquei curiosa.
    quem sabe eu veja o filme, né?
    posso estar perdendo uma grande oportunidade de ver algo bom, pois o livro não está nas minhas prioridades
    beijos

    http://livrodecapadura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Heey!

Agradecemos pela visita. O que achou do post? Compartilha sua opinião conosco. Obrigado :)
















EU VIVO LENDO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
DESIGN E DESENVOLVIDO POR SOFISTICADO DESIGN