Pipoca de Sexta # 9 - A Hospedeira

29 de março de 2013

Título : A Hospedeira
Elenco : Saoirse Ronan , Max Irons , Jake Abel , Diane Kruger ,etc,.
Distribuidora : Imagem Filmes
Gênero : Romance/Ação
Ano de Produção : 2013


( Podem conter spoilers do filme e livro )









Estória : A fome e a violência foram erradicadas da Terra, bem como os problemas climáticos do planeta foram resolvidos. Estes feitos foram conquistados graças aos seres alienígenas conhecidos como almas, que ocupam corpos humanos como se fossem parasitas. Pregando uma sociedade baseada na paz, as almas perseguem os poucos humanos que ainda não foram dominados. Um deles é Melanie Stryder , que se sacrifica para que o irmão caçula, Jamie ,  possa escapar. Melanie passa a ser dominada por uma alma chamada Peregrina, que tem por missão vasculhar suas memórias para encontrar rastros de outros humanos. Entretanto, a consciência de Melanie ainda está viva dentro do corpo, o que faz com que Peregrina tenha que lidar com ela constantemente. Com o tempo, a alma fica cada vez mais fascinada com a vida e os sentimentos que Melanie tinha e passa a protegê-la de Buscadora , que deseja capturar seus amigos humanos o quanto antes.

PERFEITO !!!

Começo essa resenha definindo A Hospedeira nessa palavra , um filme que me agradou muito sendo totalmente fiel ao livro , mas quando eu falo fiel ,  é muito igual não muda quase nada do livro , os personagens são os mesmo as características , está certo que um ou outro mudou a cor da pele ou o jeito mais isso foi quase superficial , fiquei com medo de o filme ser focado muito no romance de Mel/Peg com Jared/Ian , mais o foco não é inteiramente para o romance deixando um grande espaço para a trama central do filme .




Os buscadores estão super estilosos com seus carros luxuosos e motos futurísticas , a atriz que interpreta Melanie está divina no papel , dando vida ao personagem de uma maneira que eu nunca pensei que fosse possível , infelizmente não posso dizer o mesmo de outros personagens , como tia Meg , Doc ou Jeb esses ficaram apagados na estória quase não tendo uma importância que tiveram no livro , os atores não fizeram a diferença .




A trilha sonora do filme deixou um pouco a desejar , havia momentos que poderiam colocar músicas para dar um clima na estória , mais a cena ficava meio " seca " justamente pela falta de música , o filme encerra com a música tema do trailer da banda Imagine Dragons - Radioactive , quando fui assistir o filme escutei uma pessoa do meu lado dizendo " espero que não seja mais um romance sem sal que a autora criou para ganhar dinheiro " , o livro já é totalmente puro e o filme não é diferente .




Pessoal estou com tanto amor por esse filme que me expressar totalmente nesta resenha não será possível infelizmente , só digo a vocês que em termos de enredo , figurino , fidelidade a obra escrita , ações ligadas uma a outra  , o filme está divino , a cena que o cinema todo chorou foi quando Melanie e Peg vão se separar uma da outra foi de tocar o coração é foi exatamente igual ao filme .




O ambiente em que o filme é encenado continua o mesmo , no deserto dentro de uma " caverna " , fiquei agoniado as vezes porque a maior parte do filme se passou dentro da caverna ,  que fez com que o filme ficasse um pouco escuro  , sem vida  mais eu não posso reclamar de nada ,  foi totalmente acima das minhas expectativas e só tenho que parabenizar todos que estão por trás desse projeto , obrigado Stephenie por nos dar o prazer de acompanhar essa maravilhosa estória !!

Avaliação :

Filme : 4,5/5

Elenco : 3,5/5

Trilha Sonora : 4/5

Confira o Trailer :





Resenha - O Pacifista - John Boyne

26 de março de 2013

Título : O Pacifista
Referencial de Páginas : 304
Autor : John Boyne
ISBN : 9788535921939
Editora : Companhia das Letras
Preço Médio : 39,90
Compre Aqui








Sinopse : Inglaterra, setembro de 1919. Tristan Sadler, vinte e um anos, toma o trem de Londres a Norwich para entregar algumas cartas à irmã mais velha de William Bancroft, soldado com quem combateu na Grande Guerra. Mas as cartas não são o verdadeiro motivo da viagem de Tristan. Ele já não suporta o peso de um segredo que carrega no fundo de sua alma, e está desesperado para se livrar desse fardo, revelando tudo a Marian Bancroft. Resta saber se o antigo combatente terá coragem para tanto. Enquanto reconta os detalhes sombrios de uma guerra que para ele perdeu o sentido, Tristan fala também de sua amizade com Will, desde o campo de treinamento em Aldershot, onde se encontraram pela primeira vez, até o período que passaram juntos nas trincheiras do norte da França. O leitor pode testemunhar o relato de uma relação intensa e complicada, que proporcionou alegrias e descobertas, mas também foi motivo de muita dor e desespero.

Resenha :


Um livro que não me atraiu !!!

Pessoal aconteceu um fato inédito comigo a respeito de O Pacifista , eu demorei absurdas 2 semanas para concluir a leitura , muito tempo não é ? ainda mais para um livro de 304 páginas não é verdade ? a narrativa do autor é muito boa ,  mas não sei o que houve comigo que eu lia , lia , lia mas não saia do lugar , fiquei das 20:00 as 23:30 lendo e quando fui ver tinha lido apenas 50 páginas , sim acreditem em mim . Junte isso com a minha falta de tempo para a leitura por causa dos estudos é temos uma leitura cansativa .

Achei bastante interessante o autor abordar o tema da primeira guerra mundial , poucos autores exploram a guerra como John consegue fazer , e acho que isto é um talento dele que ninguém vai conseguir copiar , talento o autor tem , só não sei porque ele não demonstrou isso no livro , essa é a minha opinião !!!

O protagonista não me atraiu de maneira alguma , fiquei com a impressão de que John ( o autor ) ,  não queria abrir seus segredos muito rápido ,  fazendo com que o protagonista ficasse apagado na estória , se você não prestar muita atenção ,  vai achar que ele é o coadjuvante que está ali para introduzir algo a mais na estória , sinceramente a construção de personagens foi muito boa , mais não consegui assemelhar muito bem o que era verdade do que era mentira , quer dizer havia momentos ali que a narrativa me enganou , fazendo com que o livro se tornasse um redemoinho de ideias paralelas desorganizadas .

Não posso reclamar da diagramação , a fonte das letras é muita boa , contendo folhas amarelas é espaçamento que da um charme a mais no livro , no começo você vai estranhar a capa ou acha-lá feia mais depois você entenderá o que ela quis transmitir , acho que não vou falar mais nada nesta resenha , lamento o fato de que ela foi tão curta assim ,  mas só digo que ... Esse livro não me atraiu , pode ser que atraia vocês , então leiam e tirem suas conclusões , beijos :)

Avaliação :

Capa : 4/5
Diagramação : 4.5/5
Personagens : 3/5
Livro em Geral : 3/5




Vivo Comprando # 1

24 de março de 2013

Olá pessoal :) , hoje estou aqui para fazer a primeira caixinha de correio do blog ,  depois de tantos pedidos é emails implorando que eu fizesse estou aqui , só o nome que eu decidi colocar vivo comprando , gostaram da ideia ? Essa será uma coluna mensal que todo mês postarei minhas compras , cortesias é etc,... então chega de papo vamos lá ?

Cortesia da editora :)

Espero gostar :)

O ganhador do você escolhe , já está fazendo presença na minha estante :) 
Comprei meus desejados !!!

Presente do autor Renato Nonato , obrigado :)

Finalmente te possuo .



Linda coleção :D

Bem pessoal foi isso , espero que vocês tenham gostado qualquer dúvida é só perguntar nos comentários ok ? e vocês o que receberam esse mês ?

Tudo sobre Marian Keyes

21 de março de 2013

Oi pessoal como estão ? hoje estou aqui para falar tudo sobre essa autora que eu gosto tanto que é a Marian Keyes , falarei sobre suas obras , responderei algumas perguntas referindo-se a ele que me mandaram é etc,. então vamos lá ?

Marian Keyes é uma escritora irlandesa.
Graduou-se em Direito na Dublin University, sem, contudo, jamais ter exercido a profissão. Morou em Londres por muitos anos, trabalhando ora como garçonete ora em escritórios. Neste mesmo período começou sua luta contra o vício do alcoolismo e inclusive uma tentativa de suicídio, depois de vencida a batalha, alcançou o sucesso como escritora.
Autora de vários best sellers do gênero Chick Lit, os seus livros exploram o universo feminino com muito humor e leveza. Seus temas centrais no entanto levam a tona muitos assuntos delicados, tais como: luto, depressão pós parto, violência domestica... As personagens criadas pela escritora possuem perfis realistas, que permitem com que o leitor se identifique com a trajetória de vida narrada.


Livros Publicados no Brasil :

Foi demais da conta para Claire o dia do nascimento da sua filha. Ao acordar no quarto do hospital depara com o marido olhando-a na cama. Deduzindo tratar-se de algum tipo de sinal de respeito, ela nem suspeita de que ele soltará a notícia da sua iminente separação: “Ouça, Claire, lamento muito, mas encontrei outra pessoa e vou ficar com ela. Desculpe quanto ao bebê e todo o resto, deixar você desse jeito...” Em seguida, dá meia-volta e deixa rapidamente o quarto. De fato, ele sai quase correndo. Com 29 anos, uma filha recém-nascida nos braços e um marido que acabou de confessar um caso de mais de seis meses com a vizinha também casada, Claire se resume a um coração partido, um corpo inteiramente redondo, aparentando uma melancia, e os efeitos colaterais da gravidez, como, digamos, um canal de nascimento dez vezes maior que seu tamanho normal! Não tendo nada melhor em vista, Claire volta a morar com sua excêntrica família: duas irmãs, uma delas obcecada pelo oculto, e a outra, uma demolidora de corações; uma mãe viciada em telenovelas e com fobia de cozinha; e um pai à beira de um ataque de nervos. Depois de muitos dias em depressão, bebedeira e choro, Claire decide avaliar os prós e contras de um casamento de três anos. E começa a se sentir melhor. Aliás, bem melhor. É justamente nesse momento que James, seu ex-marido, reaparece, paea convence-la a assumir a culpa por te-lo jogado nos braços de outra mulher. Claire irá recebê-lo, mas lhe reservará uma bela surpresa...
Rachel Walsh tem 27 anos e a grande mágoa de calçar 40. Ela namora Luke Costello, um homem que usa calças de couro justas. E é amiga - pode-se mesmo dizer muy amiga - de drogas. Até que a sua vida vai para o Claustro - a versão irlandesa da Clínica Betty Ford. Ela fica uma fera. Afinal, não é magra o bastante para ser uma toxicômana, certo? Mas, olhando para o lado positivo das coisas, esses centros de reabilitação são cheios de banheiras de hidromassagem, academia e artistas semifissurados (ao menos ela assim ouviu dizer). De mais a mais, bem que já está mesmo na hora de tirar umas feriazinhas. Rachel encontra mais homens de meia-idade usando suéteres marrons e sessões de terapia em grupo do que poderia supor a sua vã filosofia. E o pior é que parecem esperar que ela entre no esquema! Mas quem quer abrir as janelas da alma, quando a vista está longe de ser espetacular? Cheia de dor-de-cotovelo (o nome do cotovelo é Luke), ela busca salvação em Chris, um Homem com um Passado. Um homem que pode dar mais trabalho do que vale... Rachel é levada da dependência química para o terreno desconhecido da maturidade, passando por uma ou duas histórias de amor, neste romance que é, a um tempo, comovente, forte e muito, muito engraçado.


Maggie sempre foi uma anjinha, a cria mais certinha da complicada (e engraçadíssima) família Walsh... até se cansar de andar na linha e mandar todas as regras que a prendiam a um dia-a-dia em sal (e muito menos açúcar) às favas - a começar pelo casamento (que, para o bem da verdade, nunca havia realmente engrenado) e o trabalho bitolante numa firma de advocacia. Ao largar essa vida em preto e branco no passado, Maggie decide se mandar para o lugar onde a realidade promete ser em Technicolor: Hollywood, claro! Terra do glamour, da liberdade, da beleza (até as palmeiras das calçadas são magras), da luxúria e, obviamente, da diversão!












Anna Walsh é um desastre ambulante. Ferida fisicamente e emocionalmente destruída, ela passa os dias deitada no sofá da casa de seus pais em Dublin com uma ideia fixa na cabeça: voltar para Nova York.
Nova York é onde estão seus melhores amigos, é onde fica o Melhor Emprego do Mundo, que lhe dá acesso a uma quantidade estonteante de produtos de beleza, mas também, e acima de tudo, é a cidade que representa Aidan, seu marido.


Só que nada na vida dela é simples...

Sua volta para Manhattan se torna complicada não só por conta de suas cicatrizes físicas e emocionais, mas também porque Aidan parece ter desaparecido.

Lucy Sullivan vai se casar. Essa moça de 26 anos, que divide o apartamento com as amigas, não tem dúvidas de que, dentro de poucos meses, estará entrando na igreja durante uma linda cerimônia. Só falta um pequeno detalhe: o noivo! Mas Lucy, que nem ao menos tem um namorado e nunca foi muito bem-sucedida no amor, confia piamente nas previsões de sua cartomante e iniciará uma busca incessante (e hilariante) por um bom partido: ele só precisa ser bonito, inteligente e não lembrar em nada o seu pai.





"Sushi" é um livro sobre a busca da felicidade. E ensina que, quando você deixa as coisas ferverem sob a superfície por tempo demais, cedo ou tarde elas acabam transbordando. Perspicaz, engraçado e humano, este romance de Marian Keyes consolida sua posição como a mais popular jovem autora da Grã- Bretanha. Lisa Edwards, a durona e sofisticada editora de revistas, acha que sua vida acabou, quando descobre que seu novo emprego "fabuloso" não passa de uma ordem de deportação para a Irlanda, com a missão de lançar a revista Garota. Ashling Kennedy, a editora assistente da Garota, também tem seus problemas. É a Rainha da Ansiedade, e não é de hoje que sente que algo não está cem por cento na sua vida. E não só porque o que lhe sobra são bolsas, falta em cintura e namorado - mas porque, no fundo, no fundo, falta algo mais, como aquele pontinho minúsculo que fica na tela quando a gente desliga a TV à noite. Conhecida como "Princesa", a vida sempre deu a Clodagh tudo que queria (e por que haveria de ser diferente, quando se é a garota mais bonita da turma?). Ao lado de seu príncipe e dois filhinhos encantadores, ela vive um conto de fadas doméstico em seu castelo. Mas então, por que será que nos últimos tempos anda sentindo vontade - e não pela primeira vez - de beijar um sapo? (Abrindo o jogo: de dormir com um sapo). Mais um sucesso de Marian Keyes, que vem divertindo milhares de leitores no mundo todo.

Jojo é a personagem focada, com olhos bem atentos às nuvens para não errar o plano de vôo, mas como nada é perfeito... ela acaba se apaixonando por um dos seus chefes; justamente o casado.

Lily Wright ainda está colhendo os frutos de seu romance de estréia. Contudo, seu segundo livro parece que se nega a sair de sua cabeça, e o prazo de entrega... vai para o espaço. 

Acontece que Lily ouviu os conselhos do "amor da sua vida" e gastou quase todo dinheiro na compra de uma casa. E agora?

Para completar o elenco principal, Gemma Hogan. Organizadora de eventos, era a melhor amiga de Lily, até se apaixonar pelo amor da sua vida, que coincidentemente (ou não) é o mesmo do de sua melhor amiga. Gemma cuida da mãe recém-abandonada pelo marido e leva uma vida social sem grandes emoções. Gemma e Jojo acabam trabalhando juntas.




Tara, Katherine e Fintan são amigos inseparáveis. Nascidos no interior da Irlanda, partiram juntos para Londres e se deram muito bem profissionalmente, pelo menos. Pois, nas grandes cidades, o mercado amoroso está saturadíssimo! E os corações dos três, todos na faixa dos trinta e poucos anos, podem não agüentar: o de Tara já se partiu, o de Katherine está prestes congelar e o de Fintan pode até parar de bater. É chegada então a hora de gritar por mudanças... ou calar-se para sempre!
Neste É Agora... ou Nunca, de Marian Keys, a irlandesa que conquistou o mundo com Melancia, Férias!, Sushi e Casório?!, o destino entrará em cena sem pedir licença, mudando as vidas dos três amigos de forma totalmente inesperada... e muito divertida!
Tara namora Thomas há dois anos, mas o relacionamento é, digamos assim, morno... frio... gelado, mesmo: o sexo do casal é como Papai Noel, que não existe, mas, se você tiver muita fé, aparece, todo coberto de neve, uma vez por ano. Thomas, ainda por cima, é um pé-rapado que vive comprando presentes ridículos para a namorada - como cremes para as mãos e bolsas de água quente... em promoção. Para piorar, ele ainda tem a coragem de dizer que Tara está gorda - só porque seu manequim pulou de 42 para 50!
Já Katherine é uma mulher independente e equilibrada, que sempre atraiu os olhares masculinos. Mas sua primeira decepção amorosa ocorreu aos 19 anos, abrindo feridas jamais cicatrizadas. Hoje, ela prefere se relacionar com vitrines de lojas de roupas ou controle remoto de sua televisão. Nem Joe Roth, o colega de trabalho bonitão que se ofereceu para ajudá-a a trocar de canal, parece interessá-la.
E Fintan, que nunca escondeu sua homossexualidade, encontrou o equilíbrio na amizade da dupla. Mas esse círculo, antes perfeito, fica a ponto de se quebrar quando ele revela sofrer de uma séria doença. Assim, as duas prometem fazer tudo o que o amigo pedir e o mundo fica de pernas para o ar! Graças às suas exigências malucas, Fintan assiste de camarote às mudanças - para melhor, claro - nas vidas de Tara e Katherine. 


Existe um misterioso espírito que paira sobre o edifício número 66 da Star Street, em Dublin, Irlanda. Ele está em uma missão para mudar a vida de alguém. Em A Estrela Mais Brilhante do Céu, Marian Keyes demonstra mais uma vez sua técnica como uma dos grandes contadores de histórias da atualidade e sua vontade de ultrapassar limites na literatura. Os inquilinos do prédio 66 formam certamente um grupo excêntrico. Na cobertura mora Katie, uma mulher de 39 anos que trabalha como relações públicas de cantores e que só se preocupa com o tamanho de suas coxas e se seu namorado irá propor casamento. No apartamento abaixo, dividem o espaço dois poloneses mais a engraçada Lydia. No primeiro andar está Jéssica, a octogenária que vive com seu malvado cachorro e o filho adotivo. Já no térreo estão os recém-casados Maeve e Matt, que por mais que tentem esquecer o passado, não conseguirão.








Como todo fim de ano, chega em novembro às livrarias mais uma aventura da sensacional Marian Keys. Quatro mulheres diferentes. Um homem terrivelmente sedutor. E o segredo sombrio que conecta a todos. Esse é Cheio de Charme. A estilista Lola tem todos os motivos para chocar-se com a notícia do casamento: apesar de ser a namorada do cara, ela não é, definitivamente, a noiva. Já a jornalista Grace conheceu Paddy há muito tempo, mas por algum motivo não consegue esquecê-lo. Marnie, casada e com filhos, não tira da cabeça o político conquistador, seu amor adolescente. E Alicia, a noiva, fará de tudo para preservar seu reinado.








São muitos né ? de todos esses que eu mostrei tenho : Melancia , Los Angeles , Tem Alguém Aí ? , Sushi , Casório , A estrela mais brilhante do céu e Um best seller pra chamar de meu ,  não li todos ainda mais pretendo ler é completar a coleção dela !!!

Algumas Perguntas Que Me Enviaram :

1 ) A série da Família Walsh é composta de quais livros ? precisa ser lida em ordem ?

A série é composta por : Melancia , Férias , Los Angeles , Tem Alguém Aí ? ( É outro que está prestes a ser lançado no Brasil ) , não é obrigatório ler em ordem , a leitura separada não influenciará em muita coisa , mais é sempre melhor não é ?

2 ) Comprei o livro dela na internet é veio edição de bolso , me ajuda !!!

Pessoal quando vocês forem comprar um livro da Marian pela internet olhem as informações do livro embaixo , se estiver escrito que a editora é a Bertrand Brasil então é a edição normal , mais se a editora for Best Bolso é a edição de bolso .

3 ) Ela tem um tema certo ou seus temas variam ?

Não , Marian é uma escritora magnífica justamente por isso , todos os livros delas falam de um determinado assunto sempre fazendo uma crítica social , direta ou indireta basta o leitor enxergar as entrelinhas , não é um simples Chick - Lit bobo .

4 ) Tem algo a ver os nomes de comida nas capas ?

Hahahaha , bem tem um pouco a ver sim mais eu acho os nomes um pouco bobinhos  , eles fazem com que a pessoa que olhe a capa  é pense assim : Esse livro deve ser chato , mais acho bem legal a ideia da editora .

Bom pessoal , foi isso espero que tenham gostado se tiverem alguma pergunta sobre a autora façam aí nos comentários ok ? Beijos e Abraços :)

Frases da Autora :




5 séries para 2013

19 de março de 2013

Olá pessoal , hoje estou aqui para mostrar para vocês 5 séries que eu pretendo ler em 2013 , ok ? então vamos lá !!

1 : Senhor dos Anéis


Estou doido nessa série faz um tempão , é até hoje não li por causa do preço abusivo , quando surgir uma ótima promoção eu compro :)














2 : Millenium


Quero ler essa série já faz um tempo mais nunca compro o box porque sempre fico com alguma desculpa mais em breve pretendo lê-la .










3 : Becky Bloom



MEUU DEUS ! eu assisti o filme da Becky Bloom e adorei me encantei com a estória , imagina os livros , mas do mesmo jeito não li ainda por causa do preço :(












4 : Harry Potter


Ok , não me matem tudo bem ? não li a série ainda porque sempre eu comprava outros livros !! Mas prometo que até em Abril eu comprarei a série .













5 : House of Night



Quero muito ler essa série urgentemente mas seu tamanho me desanima , espero poder ler ainda em 2013 .












Bem foi isso pessoal , espero que tenham gostado e me digam se vocês querem um mês só para HP aqui em baixo , ok ?


Pipoca de Sexta # 8 - Dezesseis Luas

15 de março de 2013

Título : Dezesseis Luas
Atores : Alden Ehrenreich , Alice Englert , Jeremy Irons , Viola Davis , Emma Thompson , Thomas Mann é etc,.
Distribuidora ( No Brasil ) : Paris Filmes
Gênero : Romance
Ano de Produção : 2013
Bilheterias no Brasil : 574 . 514 ingressos












Sinopse : Cidade de Gatlin, na Carolina do Sul, Estados Unidos. Ethan Wate é um estudante do terceiro ano do colegial, que não vê a hora de sair do local. Ele considera Gatlin uma cidade pacata demais, onde nada de interessante acontece, mas se vê preso ao local por ter que cuidar de seu pai, que não deixa o quarto desde que a esposa faleceu em um acidente de carro, um ano antes. Já há alguns meses Ethan é atormentado por sonhos misteriosos, onde vê uma garota desconhecida. Um dia, ele a encontra em sua sala de aula. Trata-se de Lena Duchannes , uma jovem de 15 anos que está morando com o tio, Macon Ravenwood , descendente da família que fundou Gatlin. O problema é que Macon e seus familiares têm fama de serem satanistas, o que faz com que boa parte da população da cidade se volte contra eles. Não demora muito para que Ethan se interesse por Lena, sem saber que ela e os integrantes de sua família possuem poderes. Eles precisarão lutar pelo amor que sentem um pelo outro, especialmente devido à uma maldição que assombra a união.

Ok , vou tentar fazer uma resenha bastante clara !!!

Esse filme me decepcionou , pessoal nunca li dezesseis luas mas mesmo assim fui com uma expectativa muito alta para assistir o filme achando que seria uma maravilha , me enganei , primeiramente que o aspecto que mais me fez achar o filme ruim foi o paradão que se prevalece em quase a maior parte do filme , você fica com sono na sala de cinema perguntando quando aquela tortura vai acabar .

A atriz que interpreta Lena é horrível , sinceramente acho que ela fez o tipo menina chata e mimada muito bem até o começo do filme , mais depois quando ela precisa tomar uma forma mais sentimentalista vamos se dizer assim , para tentar focar o filme no romance que ao meu ver era a proposta inicial ,  ela falha totalmente e ficamos perdidos na sua própria atuação .

Os personagens da estória são muito bons , achei Ethan um cara muito legal que podia ter uma participação muito maior na estória  , não somente servir como um menino apaixonado pela menina que nunca poderá ter e blábláblá .... o filme é repleto de clichês é você já sabe o que vai acontecer no final quase antes do filme começar , estou falando sério pessoal .

Achei o figurino dos personagens perfeitos , cada um foi retratado da maneira certa , isso serviu para tirar um pouco a fama dos bruxos e suas roupas góticas esquisitas , os vestidos , os casacos , ternos é etc,. estavam muito bonitos e posso até dizer que deram um charme a mais no filme .


Agora , quem já leu o livro me disse que o filme é um lixo comparado a ele , dizem que muda muita coisa  , outras nunca aconteceram no livro .... Antes de terminar essa resenha só tenho a dizer que !!

QUE FINAL HORRÍVEL

Gente o que é isso ? sinceramente quando o filme acabou todos da sala de cinema reclamaram , eu me pergunto qual foi a proposta da produtora ? ganhar dinheiro tentando fazer com que Dezesseis Luas ficasse igual ao seu bordão ridículo que diz " O novo crepúsculo " ou tentar ganhar dinheiro a custa de nós telespectadores tentando conseguir um pouco de diversão de boa qualidade !! Fica aí a pergunta .

Avaliação :

Filme : 3/5

Elenco : 3/5

Trilha Sonora : 4/5

Trailer :



Curiosidade :

Inicialmente o intérprete de Ethan Wate seria Jack O'Connell. Alden Ehrenreich o substituiu no papel pouco antes do início das filmagens.




Resenha - Qual Seu Número ? - Karyn Bosnak

12 de março de 2013

Título : Qual Seu Número ?
Referencial de Páginas : 352
Autor  (a) : Karyn Bosnak
ISBN : 9788563219893
Editora : Novo Conceito
Preço Médio : 19,90
Compre Aqui








Sinopse : Delilah Darling tem quase 30 anos e já se relacionou com 19 rapazes. Sua vida sentimental não tem sido exatamente brilhante, pois todo cara que conhece parece fugir do relacionamento. Quando lê uma matéria no jornal em que a média de homens para uma mulher de 30 anos é de 10,5, fica desesperada e assustada por estar muito acima dela. Além de tudo, o artigo no jornal terminava falando que, se a mulher tivesse o número acima dessa média, seria impossível a pessoa certa. Na tentativa de não aumentar seu número e perder de vez a chance de se casar, Delilah sai à procura de seus antigos namorados e tenta reconquistá-los. Será que um deles estará disposto a esquecer o passado e começar uma linda história de amor? Qual Seu Número? revela os segredos de cada mulher e prova que, quando se trata de assuntos do coração, números são apenas uma fração de tempo.


Totalmente maluco !!!

Assim defino qual seu número ? comecei a ler esse livro sem muitas expectativas , na verdade sem expectativa alguma , pensei que esse seria um chick lit bobo que iria retratar dos problemas da protagonista Delilah sem explorar o que há de bom no gênero , mais estava tremendamente enganado . O livro começa de uma maneira gostosa e bem light , você será envolvido na enredo que a autora criou , e ficara totalmente perdido e encantado com sua escrita , depois que o livro toma um rumo como posso dizer mais " sério " , a estória melhora mais ainda ,  mas começa a revelar alguns defeitos .

A protagonista começa a se mostrar um pouco irresponsável demais , e as vezes faz coisas um tanto quanto difíceis de o leitor engolir , Gabriel cite exemplos , bem :

1 : Ela larga tudo para correr atras de seus ex .
2 : Ela viaja com uma rapidez inimaginável aos lugares mais diversos sem ao menos pensar um pouco sobre sua atitude .
3 : Ela não se incomoda nenhum pouco de ser internada em uma clínica para dependentes químicos e pessoas com deficiência mental e física , sem ter o porque de estar lá .

É então , querem mais algum exemplo ? outra coisa que tenho a falar é sobre o desenvolvimento da estória , no começo como eu já disse aí em cima o livro é totalmente gostoso e light , no meio o enredo começa a tomar forma de uma maneira agradável mais um pouco absurda , no final o livro fica um pouco monótono contendo capítulos que na minha humilde opinião ,  não eram nenhum pouco necessários .

Agora irei explicar a vocês sobre a edição da Novo Conceito , belíssima !!! a capa tem uma textura incrível , o título é meio que em alto relevo o que da um charme a mais no livro , as páginas são amarelas super agradáveis de se ler , a fonte é muito boa , os capítulos são grandes mais passam super rápido e acho que a edição ajuda para que isso aconteça , existem poucas ilustrações no livro , algumas delas são da lista dos ex de Delilah que ela vai riscando a partir de cada visita a eles , outra é o recibo da tal clínica que citei !!!

Para finalizar a resenha quero dizer que eu recomendo o livro , mais pelo amor de Deus não assista o filme antes de lê-lo , o filme é super infiel ao livro e totalmente horrível , chega a ser pornográfico eu digo , sim acredite .

Bem pessoal foi isso , espero que vocês tenham gostado da minha resenha até a próxima :)

Quote :

" Tudo o que você faz na vida , seja bom ou ruim , faz de você quem você é ."

Avaliação :

Capa : 5/5

Gramática : 4/5

Livro em Geral : 4/5 



Resultado - Você Escolhe # 2

11 de março de 2013

Olá pessoal , hoje trago o resultado do você escolhe # 2 para vocês , então vamos conferir ?


Sinopse : Autora do aclamado Água para elefantes, vencedor de inúmeros prêmios e adaptado para as telonas em superprodução com Robert Pattinson e Reese Witherspoon, Sara Cruen retorna com o envolvente e emocionalmente estimulante A casa dos macacos. Considerado pelo prestigiado jornal britânico The Independent o melhor romance do ano, o livro a confirma como uma das principais vozes da literatura contemporânea americana. Uma narrativa claramente ancorada em altos conceitos morais, mas sem sermões, traz sérios questionamentos sobre nossa verdadeira identidade. As consequências da comunicação entre espécies, a importância do contato sexual entre homens e entre outros primatas, a dinâmica familiar, as disfunções emocionais, o aprisionamento de animais para pesquisas científicas, a obtusidade da cultura pop e a noção do que constitui humanidade e humano. Isabel Duncan, cientista do laboratório de Linguagem de Grandes Primatas, não compreende as pessoas. Mas sabe tudo sobre macacos. Principalmente os bonobos Sam, Bonzo, Lola, Mbongo, Jelani e Makena. Integrantes de uma das espécies mais próximas da humana, são capazes de raciocinar e de se comunicar na linguagem americana de sinais. Isabel se sente ainda mais à vontade com eles do que jamais se sentiu com sua própria espécie. Até que conhece o repórter John Thigpen, que apura uma matéria sobre defensores dos direitos dos animais. Quando uma explosão atinge o laboratório, a reportagem, a mais importante da carreira do jornalista, passa a ser centrada em Isabel. E ela se vê obrigada a interagir com sues semelhantes para salvar sua família primata de uma nova forma de exploração: um reality show estrelado pelos bonobos desaparecidos se torna o maior — e o mais improvável — fenômeno da mídia moderna. Milhões de fãs se postam diante da tela da TV para assistir aos primatas pedirem pratos gordurosos para viagem, fazerem sexo diversas vezes e assinar petições pedindo que Isabel vá buscá-los. Em A casa dos macacos, Sara Cruen explora o mundo animal de forma única. E cria uma trama atual, um brilhante e desafiador romance carregado de ética e críticas à sociedade atual.

Bom pessoal foi isso espero que tenham gostado , meus parabéns Amanda !!! ( Desculpe-me aqueles que ainda votaram  mesmo depois do sorteio , da próxima vez colocarei horas ok ?


Você Escolhe # 2

9 de março de 2013

Oie pessoas lindas , tudo bom com vocês ? bem hoje eu venho aqui para apresentar o segundo você escolhe do blog , o primeiro que fiz no blog deu o livro Divergente ,  e a resenha está aí embaixo para quem quiser conferir , bem vocês já sabem o esquema né ? escolham um livro para mim ler e dia 11/03/2013 venho com o resultado , então vamos lá !!

Regras :

- Não escolher livros eróticos
- Colocar o nome do autor
- Votar apenas 1 vez no mesmo livro se possível
- Agir com educação

Resenha - Divergente - Veronica Roth

6 de março de 2013

Título : Divergente
Referencial de Páginas : 504
Autor : Veronica Roth
ISBN :9788579801310
Editora : Rocco Jovens Leitores
Preço Médio : 29,90
Compre Aqui










Sinopse : Numa Chicago futurista, a sociedade se divide em cinco facções – Abnegação, Amizade, Audácia, Franqueza e Erudição – e não pertencer a nenhuma facção é como ser invisível. Beatrice cresceu na Abnegação, mas o teste de aptidão por que passam todos os jovens aos 16 anos, numa grande cerimônia de iniciação que determina a que grupo querem se unir para passar o resto de suas vidas, revela que ela é, na verdade, uma divergente, não respondendo às simulações conforme o previsto.
A jovem deve então decidir entre ficar com sua família ou ser quem ela realmente é.
E acaba fazendo uma escolha que surpreende a todos, inclusive a ela mesma, e que terá desdobramentos sobre sua vida, seu coração e até mesmo sobre a sociedade supostamente ideal em que vive.

Bem como vou falar de Divergente ?

Primeiramente quero destacar os personagens , são super encantadores e realistas cada um deles com uma característica diferente que faz você ser teletransportado para o livro , alguns personagens você vai odiar tanto que vai querer enforca-los  , outros você vai amar querer mandar flores e dar um beijo e chorar junto com ele , outros você simplesmente vai achar que faz parte da estória  .

No começo a autora demora acrescentar alguma vamos se dizer " aventura " no livro , isso só vem depois do meio do livro , mais não estou dizendo de forma alguma que o livro seja ruim nesta parte , ao contrário o livro nunca fica ruim tanto que li em 3 dias , isso porque estava sem tempo .

A narrativa da autora é totalmente leve e gostosa , o livro passa super rápido tanto que você nem sente , algumas ações dos personagens ficam um pouco complicadas na estória : GABRIEL COMO ASSIM ? . Por exemplo , quando a protagonista Beatrice vai explicar como funciona essa coisa de facções você fica ? Ann quem ?? ou quando ela narra um fato que aconteceu com ela , as vezes você demora pegar pelo fato de o livro ter vários detalhes ocultos .

a edição da Rocco está super bem feita , a capa tem tudo a ver com a estória pelo menos no meu ver , a diagramação do livro está ótima , não encontrei nenhum erro absurdo que dificulte a leitura ou atrapalhe , uma coisa que tenho que acrescentar é o modo como Veronica conseguiu mexer na estória de uma forma totalmente bonita e inteligente , enfim pessoal ... acho que não sei expressar muito bem minha opinião com esse livro , só digo que adorei e com certeza recomendo !! Esse é favorito .

Antes de terminar a resenha quero agradecer a todos que votaram no você escolhe , divergente foi o livro escolhido para que eu lesse é apesar de ter demorado um pouco eu li e fiz a resenha para vocês , em breve terá um novo você escolhe , tchau pessoal :D

Quote :

" Não sabia se aquilo que eu queria eu conseguiria , mais tinha certeza de que não conseguiria aquilo que queria sem ao menos tentar conseguir "

Avaliação :

Capa : 5/5

Gramática : 4,5/5

Livro em Geral : 5/5 FAVORITOOOO 

Resenha - A estrela mais brilhante do céu - Marian Keyes

3 de março de 2013

Título : A estrela mais brilhante do céu
Referencial de Páginas : 598
Autor : Marian Keyes
ISBN : 9788528615395
Editora : Bertrand Brasil
Preço Médio : 29,90
Compre Aqui










Sinopse : Existe um misterioso espírito que paira sobre o edifício número 66 da Star Street, em Dublin, Irlanda. Ele está em uma missão para mudar a vida de alguém. Em A Estrela Mais Brilhante do Céu, Marian Keyes demonstra mais uma vez sua técnica como uma dos grandes contadores de histórias da atualidade e sua vontade de ultrapassar limites na literatura. Os inquilinos do prédio 66 formam certamente um grupo excêntrico. Na cobertura mora Katie, uma mulher de 39 anos que trabalha como relações públicas de cantores e que só se preocupa com o tamanho de suas coxas e se seu namorado irá propor casamento. No apartamento abaixo, dividem o espaço dois poloneses mais a engraçada Lydia. No primeiro andar está Jéssica, a octogenária que vive com seu malvado cachorro e o filho adotivo. Já no térreo estão os recém-casados Maeve e Matt, que por mais que tentem esquecer o passado, não conseguirão.


Bem , comecei a ler a estrela mais brilhante do céu com as expectativas lá em cima , todas as resenhas que eu lia ou assistia por meio de vídeos falavam maravilhosamente bem do livro , então claro deduzi em minha mente que o livro seria uma maravilha e que leria ele rapidinho , meu deus me enganei totalmente .....

O livro conta a estória de vizinhos de um  mesmo edifício , que tem suas vidas interligadas de alguma maneira , isso lembra uma novela não é mesmo ? pessoal até a página 200 mais ou menos não consegui me interessar pela estória é muito menos ser fisgado por ela , confesso a vocês que quase abandonei a leitura , fiquei muito triste em saber que uma autora tão maravilhosa quanto é a Marian me faria abandonar seu livro , porém .... Ainda bem que não desisti !!

Depois que a estória meio que toma forma e o ritmo do livro começa a evoluir , é impossível de largar , só para vocês terem uma ideia eu demorei 2 semanas para ler  o livro , 14 dias foram até a página 200 e poucos , o restante foi o que levei para terminar a leitura depois que o livro ficou bom , aí sim vi a Marian Keyes que conheço a autora genial que cria estórias envolventes cuja os personagens sempre trazem uma lição e uma crítica social com humor inteligente , não um chick  lit bobo que faz você dormir como estava sendo esse .

Não conhecemos quem é o narrador do livro , apenas sabemos que é um ser misterioso e de cara vamos arriscando alguns palpites , no final do livro faltando umas 20 páginas para o fim , descobrimos quem narrava o livro é como isso interferiria na estória e interferiu o livro todo , nessa parte segurem as bocas e os olhos para não saírem , então quem estiver lendo o livro vai estranhar um pouco , porque no começo cada parte ou capítulo de um livro é um dia e as vezes esse dia demora 10 a 20 capítulos para passar , não se desespere , no final você entenderá perfeitamente a proposta da autora , e tão quanto genial ela foi .... me encantei com alguns personagens , e outros que eu odiava fui gostando e os que me encantei fui odiando . A minha relação com esse livro foi bem estranha , Lily me encantou de primeira mais ao decorrer do livro vi como era ela arrogante e aproveitadora , não gostei do casal Matt e Maeve até que eles tiverem seu papel de destaque no livro .

A autora abusou dos nomes esquisitos nesse livro como : Jemima , Maeve , Shona é etc,. isso ficava um pouco confuso porque as vezes era tanto nome com M que você confundia , há antes de acabar essa resenha digo , não classificaria esse livro como um chick lit , sabe o porque disso ? O final , não vou contar como foi o final mais posso afirmar que foi de tirar o fôlego , então para terminar digo que gostei do livro , mas não chegou nem perto daquilo que as pessoas diziam !!

Quote :

" Espere o inesperado , fui aconselhada . Mas esse não era o tipo de coisa inesperada que eu esperava . Isso era um inesperado errado "

Avaliação :

Capa : 4/5

Gramática : 4/5

Livro em Geral : 3,5/5


Pipoca de Sexta # 7 - As Invenções de Hugo Cabret

1 de março de 2013

Título : As Invenções de Hugo Cabret
Atores : Ben Kingsley ,  Chloe Moretz , Sacha Baron Cohen , Asa Butterfield é etc,.
Distribuidora ( NO BRASIL )  : PARAMOUNT PICTURES 
Gênero : Aventura / Drama
Ano de Produção : 2011
Bilheterias no Brasil : 1.789.083 











Sinopse : Paris, anos 30. Hugo Cabret  é um órfão que vive escondido nas paredes da estação de trem. Ele guarda consigo um robô quebrado, deixado por seu pai . Um dia, ao fugir do inspetor , ele conhece Isabelle, uma jovem com quem faz amizade. Logo Hugo descobre que ela tem uma chave com o fecho em forma de coração, exatamente do mesmo tamanho da fechadura existente no robô. O robô volta então a funcionar, levando a dupla a tentar resolver um mistério mágico.

Falar desse filme será uma tarefa muito complicada !!

Acho que posso começar dizendo o quanto ele é lindo , sabe aquele tipo de filme que você viaja para seus sonhos quando está assistindo ? Pois é Hugo Cabret é esse filme . Você não pensa no mundo lá fora quando está na sala de cinema ( no meu caso assisti no cinema ) , um filme que vai te prender na cadeira até o último minuto .




MAIS ATENÇÃO !!!

Na minha opinião , um erro desse filme foi o fato de que ele é um pouco monótono para algumas pessoas , por exemplo : Se você é daquelas pessoas que não gostam de um filme que vai contar a história de algumas coisa , no caso Hugo Cabret tem um grande foco para a história do cinema , você não vai gostar muito desse filme , tem partes divertidas sim mas não são tantas para quem não gosta disso , meu irmão de 9 anos assistiu e não achou tão bom justamente por isso .




O fato de o filme se passar em Paris é outra coisa que faz ele se tornar mágico , você quer respirar o ambiente do filme que estar com os personagens , ajuda-lós , conversar com eles é incrível , assista em 3D então e morra de entusiasmo , a maior parte do filme se passa em uma estação ferroviária , e com os trens vem a fumaça que é jogada na nossa cara é com o óculos 3D gente é incrível .

Os atores estão divinos , eu fiquei de boca aberta para o ator que interpreta o Hugo que é o Asa Butterfield , ele é incrível gente , parece que ele encarnou o personagem de uma maneira que as vezes você esquece que aquele é um ator e não o menino em si !!




Pois então .... só digo a vocês para assistirem o filme e se deliciarem com essa linda , maravilhosa e perfeita estória !!

Avaliação :

Filme : 4,5/5

Elenco : 5/5

Trilha Sonora : 4/5

Trailer :




Curiosidades :Programado inicialmente para se chamar Hugo Cabret, o diretor Martin Scorsese anunciou a mudança de nome para Hugo somente, em junho de 2011. A decisão foi bastante estranha e pegou o mercado de surpresa, tendo em vista que perde totalmente a ligação com a obra que o originou. No Brasil, a tradução seguiu literalmente o título do livro.

















EU VIVO LENDO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
DESIGN E DESENVOLVIDO POR SOFISTICADO DESIGN