Pipoca de Sexta #25 - Minha Mãe é Uma Peça

29 de novembro de 2013

Olá pessoal, tudo bem? Hoje estou aqui para contar a minha opinião sobre um filme brasileiro que me agradou muito e me fez repensar várias coisas. Vamos conferir:

Título: Minha Mãe é Uma Peça
Elenco: Paulo Gustavo, Ingrid Guimarães, Herson Capri
Distribuidora: Downtown Filmes
Gênero: Comédia
Ano de Produção: 2013
Nacionalidade: Brasil
Classificação: 12 Anos
Direção: André Pellenz

Curiosidade:

Baseado na peça teatral "Minha Mãe é uma Peça", escrita e estrelada por Paulo Gustavo, vista por mais de um milhão de pessoas.

Avaliação: 4 Estrelas



Sinopse: Dona Hermínia é uma mulher de meia idade, divorciada do marido, que a trocou por uma mais jovem. Hiperativa, ela não larga o pé de seus filhos Marcelina e Juliano, sem se dar conta que eles já estão bem grandinhos. Um dia, após descobrir que eles consideram ela uma chata, resolve sair de casa sem avisar para ninguém, deixando todos, de alguma forma, preocupados com o que teria acontecido. Mal sabem eles que a mãe foi visitar a querida tia Zélia para desabafar com ela suas tristezas do presente e recordar os bons tempos do passado.




Um filme brasileiro que compensa!


É complicado achar um filme brasileiro que não apele somente ou exclusivamente para o lado sexual. As comédias brasileiras (grande maioria), usam de artefatos sexuais para chamar a atenção e fazer as pessoas "rirem". Mas quem disse que comédia depende disso? Minha Mãe é Uma Peça prova que não é necessário!



Hermínia é a típica mãe rabugenta e dedica a casa e aos filhos. Marcelina sua filha obesa e estressada, e Juliano seu filho homossexual, fazem da vida de Hermínia um verdadeiro circo e deixam a mãe cada dia mais louca. Ao escutar os filhos falando mal dela, a mãe dedicada decidi largar tudo e se mudar para a casa de uma tia. Lá, começa a sentir faltas dos filhos e perceber como a família, mesmo desestruturada é importante.

Se engana quem pensa que os filhos estão tranquilos. No começo o orgulho é maior que o amor deles pela mãe mas depois tudo vai esfriando e ambos, começam a sentir uma insuportável falta da figura materna. Com uma confusão de sentimentos e histórias, Minha Mãe é uma Peça nos remete algo atual e tipicamente humano.



Para quem não sabe, Minha Mãe é uma Peça é baseado em uma peça de teatro de muito sucesso e quem interpreta Hermínia, que é uma mulher na estória, na verdade é um homem na vida real. Ou melhor Paulo Gustavo. De cara todos se identificam com Hermínia, não só as mães - o que é curioso -  mas também os filhos, maridos, sogros e etc. Cada um de nós têm um parente ou uma mãe igual, então essa identificação é quase imediata.



Dizer que os personagens são marcantes é algo um pouco exagerado. Gostei mais de Hermínia e de sua empregada, o restante me agradou mas não foi algo que posso dizer que foi completamente importante para o telespectador ou a estória. Tudo é retratado muito bem e com um toque de originalidade e realismo incrível. O diretor conseguiu unir comédia, com um tema moralizante que os personagens passam para o telespectador fácil e tão naturalmente, que esse detalhe quase passa aos olhos do telespectador mais atento.



O enredo é como eu disse, voltado para a sociedade em geral. Fiquei muito feliz com a qualidade do filme e da estória. Percebe-se que o diretor cuidou de cada detalhe carinhosa e detalhadamente. Sexo aqui é praticamente zero, com exceção de algumas piadas negras que são necessárias e servem para dar um UP na obra cinematográfica.



O que considero mais importante em todo o filme, é a lição que nós aprendemos ao seu término. Aprendi a valorizar muito mais a minha mãe e reforçar um pouco a ideia clichê e verídica de que as mães só querem o bem dos filhos. Meu pai, minha mãe, até o cachorro chorou e, com certeza, isto é sinal de algo bem feito e que toca o coração de qualquer pessoa. Recomendo para todos aqueles que querem rir e acima de tudo refletir.


Confira o Trailer:



Obrigado por ter lido até aqui. Beijos e Abraços!

18 comentários:

  1. Esse é um dos poucos filmes nacionais que fiquei com vontade de assistir, pela resenha vou gostar. O que não gosto do Brasil é essa apelação que sempre fazem nos filmes, mas Minha mãe é uma peça como você disse é diferente então vou assistir =)

    http://nerdicesdeumagarota.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi querido, adorei a resenha, faz tempo que tenho vontade de assistir o filme porque adoro o ator protagonista. Bom saber que ele foge da linha apelativa, algo que detesto nos filmes brasileiros. Valeu a dica. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  3. Nossa, a mulher nunca tira os bobes, rsrsrs'. Mas falando sobre o filme, não sou a maior fã de comédias nacionais, aliás, de comédias no geral, mas esse parece ser meio exagerado e caricato, não faz meu estilo, mas conheço umas pessoas que iriam adorar assistir.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Poxa, que bom que o filme te conquistou! :D
    Eu não sou fã de filmes brasileiros, em especial comédias. Mas quando raramente assisto o programa do protagonista no Multishow dou muita risada. Acho que acabaria gostando do filme :)

    Beijos ;*
    Mari Siqueira
    http://loveloversblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Gabriel, tudo bem?

    Muitos amigos meus assistiram esse filme e falaram bem dele para mim, mas eu não gosto de comédias nacionais, acho tudo tão forçado que me cansa, sabe? Não tenho vontade de ver esse filme.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oii Gabriel, todo mundo fala super bem do filme, dizem que é ótimo, mas eu não gosto muito de filmes nacionais, posso contar nos dedos quais realmente gostei, acho muita pornografia e só palavrão, hehhe

    De qualquer forma, vou ver esse, me interessei!
    http://traduzindo-sonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Gabriel,
    Eu ainda não vi o filme, mas adoro comédia. Esse filme deve ser muito bom por não apelar para a sexualidade.
    bjs

    http://entrepaginasesonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Gabriel!!
    Preciso ver esse filme. Adoro comédia brasileira e o Paulo Gustavo é ótimo.
    Assisti ontem o filme do Crô, é muito bom :)

    Beijos,
    http://www.segredosentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Muita gente ja me falou e eu quero muito ver esse filme!!
    Adoro filme de comédia e o post ta muito bom (:

    Beijos
    http://www.sonhandocomlivros.com/

    ResponderExcluir
  10. Oie
    Adorei a resenha do filme ♥
    Estou louca para ver o filme *---*
    Adoro esse ator ♥
    Esse é um do poucos filmes nacionais que realmente quero assistir.
    Beijos
    http://cupcakedeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Eu assisti esse filme tem algum tempo e gostei demais. Muito engraçado.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Olá, boa noite ^^
    Vi esse filme no cinema, com minha mãe e minha avó (minhas "peças" ^^');amei! Rimos muuuuuito. Com certeza uma dos melhores nacionais que já assisti *-* (e o melhor, sem ser apelativo :D)
    Parabéns pela resenha.
    Beijinhos
    Isabelle - http://attraverso-le-pagine.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Também já vi esse filme e amei, no começo não dava nada pra ele, pois como você disse, comédia brasileira geralmente apela para o lado sexual. Me surpreendi muito, ri e chorei também. Acho que na verdade toda mãe tem um pouco de dona Hermínia.
    Beijos.
    http://vidadaleitora.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Estou Louca pra assistir esse filme, quase morro de rir vendo o trailer imagina vendo o filme completo rsrs
    Beijos
    http://aculpaedosleitores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oiie, adorei esse filme, diferente dos outros filmes brasileiros, ele é engraçado sem ser a apelativo. Parabéns, eu acho as suas resenhas simplesmente perfeitas! beijos
    http://meudiariojk.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Gente, eu não tinha lido sobre este filme antes mas com certeza vou procurar para assistir!
    Gostei demais da dica!
    Beijos

    webteentwl.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Eu adoro esse filme! Rolo de rir!!
    Beijos,
    duasamigasvariosmundos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Ah, eu achei esse filme uma graça! Me rendeu ótimas risadas, principalmente por que ao vê-lo, eu estava na presença de nada mais nada menos que minha mãe e meu irmão. Foi diversão até altas horas da noite.
    Em relação à verdadeira importância dos personagens, não consegui realmente extrair para mim nenhuma "essência" ou algum ensinamento que valesse.
    Mas, continuo achando uma graciosidade combinar esses elementos familiares tão bem e de uma forma tão bem conduzida.
    Um beijo,
    Paula, Poetisa & Literária

    ResponderExcluir

Heey!

Agradecemos pela visita. O que achou do post? Compartilha sua opinião conosco. Obrigado :)
















EU VIVO LENDO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
DESIGN E DESENVOLVIDO POR SOFISTICADO DESIGN